Click here to load reader

2ª WEB CONFERÊNCIA 09 de abril de 2014

  • View
    21

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

2ª WEB CONFERÊNCIA 09 de abril de 2014. O RESPEITO à DIVERSIDADE como um PRINCÍPIO EDUCACIONAL Direitos Humanos Educação para as Relações de Gênero Educação para Diversidade Sexual Educação e Prevenção. CONFERENCISTA Profª Drª Jimena Furlani (UDESC – FAED). - PowerPoint PPT Presentation

Text of 2ª WEB CONFERÊNCIA 09 de abril de 2014

  • 2 WEB CONFERNCIA09 de abril de 2014

    CONFERENCISTAProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)O RESPEITO DIVERSIDADE como um PRINCPIO EDUCACIONAL

    Direitos Humanos Educao para as Relaes de Gnero Educao para Diversidade Sexual Educao e Preveno

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)EXPLICITAR a DIVERSIDADE no CURRCULO , nada mais, nada menos, do que ESPELHAR A SOCIEDADE BRASILEIRA na EDUCAO, sem EXCLUSES.

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED) Movimentos Polticos e Estudantis Movimentos de Mulheres e Movimentos Feministas Movimentos de Negros/as e Populaes Quilombolas Movimento LGBT Movimento das Populaes Indgenas Movimentos Ecolgicos e Ambientalistas Movimento Pacifista e Anti-Guerra Movimento contra Misria e Pobreza Movimento Pr-Deficincia e Educao Inclusiva Movimento Pr Infncia e Adolescncia Movimento dos Trabalhadores Rurais e dos SemTerra

    MOVIMENTOS SOCIAIS

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)AGENDAS EDUCACIONAISEDUCAO INCLUSIVAINCLUSO CURRICULARFORMAO PARA CIDADANIAPROMOO DA EQUIDADEFORMAO INTEGRALDIMINUIO DE DANOSPOLTICAS AFIRMATIVASSUPERAR DESIGUALDADESRESPEITO DIVERSIDADERECONHECIMENTO DAS DIFERENAS

  • 1977 Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)1. Marcha pela Liberao GAY = Nova Iorque - 1970

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)Anos 1970EXCLUSONO UNIVERSALIDADE de DIREITOS

  • Populao Residente no BRASILwww.ibge.gov.br em 11 de setembro de 200619401950196019701980199119962004205020.614.08825.885.001 35.055.457 46.331.343 59.123.361 72.485.122 77.442.865 20.622.227 26.059.396 35.015.000 46.807.694 59.879.345 74.340.353 79.627.298 HomensMulheres41.236.315 51.955.397 70.070.457 93.139.037 119.002.706 146.825.475 157.070.163180.000.000259.800.000 TotalProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)EXCEDENTE feminino 2,5 milhes em 200006 milhes em 2050

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)195,2 milhes hab = 2011

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • EtniaClasse SocialPERTENCIMENTO IDENTITRIOCOMODIMENSO EXISTENCIALSexualidadeOrientao SexualRaa-EtniaCondio FsicaGneroIdentidade de GneroSexoNacionalidadeGeraoOrigemReligioProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Programa Nacional de Direitos Humanos II - 2002 Proteo do Direito VIDAGrupos em situao mais VULNERVELCRIANASADOLESCENTESMULHERESAFRODESCENDENTESLSBICASCIGANOS/asGAYSPOVOS INDGENASIDOSAS/osPORTADORES/as de NECESSIDADES ESPECIAISESTRANGEIRAS/osTRANSEXUAISBISSEXUAISREFUGIADOS/as e MIGRANTESTRAVESTISQUILOMBOLASRIBEIRINHOSVARZANTEIROSPESCADORESPESSOAS de RUA

  • 2009Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)Art. 3 A Educao em Direitos Humanos, com a finalidade de promover a educao para a mudana e a transformao social, fundamenta-se nos seguintes PRINCPIOS: MINISTRIO DA EDUCAO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAO

    RESOLUO N 001, de 30 de MAIO de 2012

    Estabelece Diretrizes Nacionais para a Educao em Direitos Humanos.

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)Art. 3 PRINCPIOS: I - dignidade humanaII - igualdade de direitosIII - reconhecimento e valorizao das diferenas e das diversidadesIV - laicidade do EstadoV - democracia na educaoVI - transversalidade, vivncia e globalidade; e VII - sustentabilidade socioambiental

    2012 Diretrizes Nacionais para a Educao em Direitos Humanos.

  • Prof. Dr. Jimena Furlani (FAED UDESC)[...] aes que transformem a escola em um ambiente de promoo da diversidade e do respeito s diferenas.

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)MINISTRIO DA EDUCAO MEC

    SECRETARIA DE EDUCAO CONTINUADA ALFABETIZAO E DIVERSIDADE SECAD

    INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS INEP

    PESQUISA NACIONAL 2006 DIVERSIDADE na ESCOLA

  • 2006Jos Afonso Mazzon (USP)Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • 2006Jos Afonso Mazzon (USP)Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • PESQUISA NACIONAL = DIVERSIDADE na ESCOLA2006Jos Afonso Mazzon (USP)Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • PESQUISA NACIONAL = DIVERSIDADE na ESCOLA2006Jos Afonso Mazzon (USP)Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • 1. Atirar em algum2. Estuprar3. Usar drogas4. Roubar5. Andar armado6. Bater em homossexuaisFORMAS de VIOLNCIA mais GRAVEPesquisa Juventude e Sexualidade UNESCO - Organizao das Naes Unidas para Educao, Cincia e Cultura (2006) 14 cidades brasileiras.www.ggb.org.br/educacao.htmlResposta das MENINASResposta dos MENINOS1. Atirar em algum2. Estuprar3. Bater em homossexuais

    3, pg. 14 Violncias Associadas Juventude e s Relaes de GneroSPE Diretrizes para Implementao do ProjetoProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • 1. Atirar em algum2. Estuprar3. Usar drogas4. Roubar5. Andar armado6. Bater em homossexuaisFORMAS de VIOLNCIA mais GRAVEPesquisa Juventude e Sexualidade UNESCO - Organizao das Naes Unidas para Educao, Cincia e Cultura (2006) 14 cidades brasileiras.www.ggb.org.br/educacao.htmlResposta das MENINASResposta dos MENINOS1. Atirar em algum2. Estuprar3. Bater em homossexuais

    3, pg. 14 Violncias Associadas Juventude e s Relaes de GneroSPE Diretrizes para Implementao do ProjetoA importncia da Educao para as Relaes de Gnero nos currculos escolares atuais.Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Ministrio da EducaoUnidade 1 = DiversidadeUnidade 2 = GneroUnidade 3 = SexualidadeUnidade 4 = Raa / Etnia2006Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Ministrio da Sade Formao de profissionais da SADE e da EDUCAO2008Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Adolescentes e Jovens para a Educao entre Pares8 cartilhas2010Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)SPE - 2010

  • Unidade 1 - Primeiras Palavras Oficina 2 - Mitos ou realidade?

    Unidade 2 - A busca de novos caminhos para prevenir DST/Aids Oficina 2 - Identidade e estima Oficina 3 - Qual educao para qual sade? Oficina 4 - Risco ou vulnerabilidade

    Unidade 3 - Relaes de Gnero Oficina 1 - Identificando esteretipos Oficina 2 - A construo social dos gneros

    Unidade 4 - A sexualidade na vida humana Oficina 1 - Re-visitando a adolescncia Oficina 2 - A orientao sexual do desejo Oficina 3 - Homossexualidade na escola Oficina 4 - Violncia e abuso sexual Oficina 5 - A sexualidade na vida das pessoas com deficincia Unidade 5 - Sade sexual e sade reprodutiva Oficina 1 - Anatomia e fisiologia dos rgos sexuais Oficina 2 - Mtodos contraceptivos Oficina 3 - Direitos sexuais e reprodutivos Oficina 4 - Gravidez na adolescncia

    Unidade 6 - DSTs e AIDS Oficina 1 - Sexualidade em tempos de AIDS Oficina 2 - Outras doenas sexualmente transmissveis (alm da AIDS) Oficina 3 - Aids e direitos Oficina 4 - Drogas psicoativas Oficina 5 - Reduo de danos Oficina 6 - Discriminao X Solidariedade Unidade 7 - Planejamento de uma ao local integrada Oficina 1 - Escola/Servio de Sade/Famlia: a quem cabe a responsabilidade pela educao em sexualidade? Oficina 2 - Articulao Sade/Educao Programa do 1. SPE

  • 1. Atirar em algum2. Estuprar3. Usar drogas4. Roubar5. Andar armado6. Bater em homossexuaisFORMAS de VIOLNCIA mais GRAVEPesquisa Juventude e Sexualidade UNESCO - Organizao das Naes Unidas para Educao, Cincia e Cultura (2006) 14 cidades brasileiras.www.ggb.org.br/educacao.htmlResposta das MENINASResposta dos MENINOS1. Atirar em algum2. Estuprar3. Bater em homossexuais

    3, pg. 14 Violncias Associadas Juventude e s Relaes de GneroSPE Diretrizes para Implementao do ProjetoProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)Por que os Estudos de gnero (ou das Relaes de Gnero) esto to presentes HOJE nas POLTICAS PBLICAS de Sade e de Educao ?

  • 1. Atirar em algum2. Estuprar3. Usar drogas4. Roubar5. Andar armado6. Bater em homossexuaisFORMAS de VIOLNCIA mais GRAVEPesquisa Juventude e Sexualidade UNESCO - Organizao das Naes Unidas para Educao, Cincia e Cultura (2006) 14 cidades brasileiras.www.ggb.org.br/educacao.htmlResposta das MENINASResposta dos MENINOS1. Atirar em algum2. Estuprar3. Bater em homossexuais

    3, pg. 14 Violncias Associadas Juventude e s Relaes de GneroSPE Diretrizes para Implementao do ProjetoProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED) as DSTs ao HIV - AIDS ao ABUSO SEXUAL ao consumo de DROGAS a GRAVIDEZ na ADOLESCNCIAas formas de VIOLNCIA e PRECONCEITOSO modo como EDUCAMOS em GNERO

    MENINOS e MENINAS

    VULNERVEIS

  • Significados histricos frente a AIDSGrupos de RISCOComportamento de RISCOVULNERABILIDADES1982Situao de RISCO2014Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • VULNERABILIDADES pobreza violncia fsica distrbios sociais migraesViolncias Associadas Juventude e as Relaes de Gnero. crianas e adolescentes vtimas de violncia discriminao tnica-racial - RACISMO discriminao aos homossexuais - HOMOFOBIAProf Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)2006gggg

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)1998gggg

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)HOMOFOBIALESBOFOBIATRANSFOBIASEXISMO

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)PAZAMORNO VIOLNCIANO HOMOFOBIANO SEXISMONO RACISMO

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)DESAFIO INCLUSO DA DIVERSIDADEDireitos HumanosEducao EspecialEducao AmbientalEducao para o CampoEducao IndgenaEducao QuilombolaEducao das Relaes tnico-RacialEducao das Relaes de GneroEducao para Diversidade SexualEducao e Preveno

    EDUCAO BSICA

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)ALTERIDADE ser capaz de apreender o outro na plenitude da sua dignidade, dos seus direitos e, sobretudo, da sua diferena. (Frei Beto, 2003)

  • Prof Dr Jimena Furlani (UDESC FAED)Quanto