CADERNO DE QUESTÕES - ucs.br .INSTRUÇÕES-Verifique se este Caderno contém as provas de Língua

  • View
    248

  • Download
    2

Embed Size (px)

Text of CADERNO DE QUESTÕES - ucs.br .INSTRUÇÕES-Verifique se este Caderno contém as provas de Língua

  • INSTRUES

    - Verifique se este Caderno contm as provas de Lngua Portuguesa, Lngua Estrangeira (Espanhol e Ingls), Conhecimentos Gerais, Biologia e Qumica, cada uma com 10 questes. Caso esteja incompleto, solicite ao Fiscal de Sala outro Caderno.

    - Identifique o Tipo de Prova e assinale-o na Folha de Resposta.- Responda s questes de:

    - Lngua Portuguesa- Lngua Estrangeira (Lngua Espanhola OU Lngua Inglesa, conforme

    escolha feita na inscrio do Vestibular)- Conhecimentos Gerais- Biologia- Qumica

    OBSERVE

    - Leia com ateno as questes e assinale a letra correspondente alternativa escolhida. Complete, depois, a Folha de Resposta, preenchendo cuidadosamente o crculo correspondente alternativa selecionada em cada questo.

    - Assinale UMA NICA resposta para cada questo.- Encontra-se, no verso (p. 2), a Tabela Peridica dos Elementos.

    CADERNO DE QUESTES

    Nome do Candidato

    Nmero de Controle N da Sala

    TIPO

    A

  • UCS Vestibular de Inverno/2017 Caderno de Questes Prova Tipo A2

    113

    Nh

    115

    Mc

    117 Ts

    118

    Og

    Dis

    pon

    vel e

    m:

    . (A

    dapt

    ado.

    )

    OBS

    ERVA

    O

    : A n

    umer

    ao

    dos

    gru

    pos 1

    a 18

    e os

    sm

    bolo

    s dos

    elem

    ento

    s qu

    mico

    s seg

    uem

    a no

    tao

    re

    com

    enda

    da p

    ela U

    nio

    Inter

    nacio

    nal d

    e Qu

    mica

    Pur

    a e A

    plica

    da, d

    e 28-

    11-2

    016.

    1

    18

    1 1,0

    2

    13

    14

    15

    16

    2

    17

    He

    4,0

    3 Li

    6,9

    4 Be

    9,0

    5

    10,8

    6

    C 12,0

    7

    N 14,0

    8

    O 16,0

    9

    F 19,0

    10

    Ne

    20,2

    11

    Na

    23,0

    12

    Mg

    24

    ,33

    4 5

    6 7

    8 9

    10

    11

    12

    13

    27

    ,0

    14

    Si

    28,1

    15

    P 31,0

    16

    S 32,1

    17

    35

    ,5

    18

    Ar

    39,9

    19

    K 39,1

    20

    Ca

    40,1

    21

    Sc

    45,0

    22

    Ti

    47,9

    23

    V 50,

    9

    24

    Cr

    52,0

    25

    Mn

    54

    ,9

    26

    Fe

    55,8

    27 Co 58,9

    28

    Ni

    58,7

    29

    Cu

    63,5

    30

    Zn

    65,4

    31

    Ga

    69

    ,7

    32

    Ge

    72

    ,6

    33

    As

    74,9

    34

    Se

    79,0

    35

    Br

    79,9

    36

    Kr

    83

    ,8

    37

    Rb

    85,5

    38

    Sr

    87,6

    39

    Y 88,9

    40

    Zr

    91,2

    41

    Nb

    92,9

    42

    Mo

    95,9

    43

    Tc

    44

    Ru

    101,1

    45 Rh 102,9

    46

    Pd

    106,4

    47

    Ag

    107,9

    48

    Cd

    112,

    4

    49

    In

    114,8

    50

    Sn

    118,7

    51

    Sb

    121,8

    52

    Te

    127,6

    53

    I12

    6,9

    54

    Xe

    131,

    3

    55

    Cs

    132,9

    56

    Ba

    137,3

    57-7

    1

    Srie

    dos

    La

    ntan

    dio

    s 72

    Hf

    178,5

    73

    Ta

    180,9

    74

    W

    183,8

    75

    Re

    186,2

    76

    Os

    190,2

    77 Ir 192

    ,2

    78

    Pt

    195,1

    79

    Au

    197

    80

    Hg

    200,6

    81

    204,

    4

    82

    Pb

    207,

    2

    83

    Bi

    209,

    0

    84

    Po

    85

    At

    86

    Rn

    87

    Fr

    88

    Ra

    89-1

    03

    Srie

    dos

    Ac

    tind

    ios

    104

    Rf

    105

    Db

    106

    Sg

    10

    7

    Bh

    108

    Hs

    109

    Mt

    110

    Ds

    111

    Rg

    112

    Cn

    57

    La

    138,9

    58

    Ce

    140,

    1

    59

    Pr

    140,9

    60

    Nd

    144,

    2

    61

    Pm

    62

    Sm

    150,

    4

    63 Eu 152,0

    64

    Gd

    157,

    3

    65

    Tb

    158,9

    66

    Dy

    162,5

    67

    Ho

    164,9

    68

    Er

    167,

    3

    69

    Tm

    168,9

    70

    Yb

    173,

    0

    71

    Lu

    175,

    0

    89

    Ac

    90

    Th

    232

    91

    Pa

    231

    92

    U 238

    93

    Np

    94

    Pu

    95 Am

    96

    Cm

    97

    Bk

    98

    Cf

    99

    Es

    100

    Fm

    101

    Md

    102

    No

    103

    Lr

    H

    B

    Nm

    ero A

    tm

    ico

    Sm

    bolo

    Mas

    sa A

    tm

    ica

    ( ) -

    mas

    sa at

    mica

    do

    isto

    po m

    ais es

    tvel

    114 F

    116 Lv

  • UCS Vestibular de Inverno/2017 Caderno de Questes Prova Tipo A 3

    LNGUA PORTUGUESAInstrues: As questes de 1 a 10 referem-se ao texto abaixo.

    O ignorante no sabe que o Contardo Calligaris

    Lena Dunham a autora e a protagonista de Girls, o seriado da HBO que estreia sua ltima temporada nesta semana. Girls Sex in the City, mas para gente grande o que irnico, porque o pessoal de Girls mais jovem do que o pessoal de Sex in the City. Enfim, Lena Dunham, pela boca de sua personagem Hannah, reconheceu: Tenho forte opinio sobre tudo. Mesmo em tpicos sobre os quais sei pouco a respeito. Talvez voc no goste de Lena Dunham e pule de alegria porque ela finalmente admitiu o que voc sempre pensou dela (ou seja, que ela metida mesmo). Pois bem, no pule. O que Dunham disse apenas uma regra universal e incontestvel: ao tomar posio sobre qualquer tpico, quanto menos soubermos, tanto mais mostraremos e sentiremos uma certeza absoluta. E quanto maior nossa incompetncia, tanto maior ser nossa convico na hora de agir.

    Em 1995, o sr. McArthur Wheeler assaltou dois bancos depois de molhar o rosto com suco de limo, absolutamente convencido de que o suco funcionaria como tinta invisvel e no deixaria seu rosto aparecer nas gravaes das cmeras de segurana. Todos podemos ter ideias erradas, mas s os grandes incompetentes se avaliam como extremamente competentes.

    O fenmeno foi comprovado em 1999 por David Dunning e Justin Kruger, psiclogos da Universidade Cornell, em uma srie de experincias com a prtica mdica, o jogo de xadrez, a capacidade de dirigir um carro, etc. Em cada caso, as pessoas incompetentes no reconheciam o tamanho de sua incompetncia s comeavam a reconhecer sua incompetncia efetiva se e quando elas treinassem e se instrussem para se tornarem competentes. Ou seja, quanto mais a gente ignorante e incompetente, mais a gente tem certezas radicais e passionais. Inversamente, quem se afasta de sua incompetncia (informando-se ou formando-se) torna-se mais humilde e mais disposto a duvidar de si. Em suma, ignorncia e incompetncia produzem uma iluso interna de saber e competncia. Inversamente, saber e competncia produzem uma certa _________ do sujeito, que passa a duvidar de si.

    possvel pensar que a certeza passional seja uma maneira de compensar (e esconder) nossa prpria ignorncia ou incompetncia. Mas, de qualquer forma, a explicao intuitiva: quanto menos eu souber (do que for: de motor de carro, de poltica econmica, de teatro, de amor, etc.), tanto menos saberei medir o que no sei. Inversamente, quem sabe mede facilmente que s sabe uma pequena parte do que gostaria de saber. Scrates dizia que ele

    123456789

    10111213141516171819202122232425262728293031323334353637

  • UCS Vestibular de Inverno/2017 Caderno de Questes Prova Tipo A4

    s sabia que nada sabia. Por isso mesmo, o resultado da pesquisa pareceu to esperado que Dunning e Kruger, em 2000, ganharam o prmio Ig Nobel de irrelevncia. Mas Dunning continuou e, em 2005, publicou um livro, Self-Insight, cujas implicaes so teis.

    Em poca de grandes paixes e conflitos ou, como se diz, de polarizaes mundo afora, vale _________ pena lembrar que a certeza (ainda mais quando for passional) proporcional ignorncia e incompetncia. Aplique isso ao campo da moral, da poltica e da religio: a ignorncia a grande me de quase qualquer extremismo. O psicanalista Jacques Lacan disse um dia que s os telogos conseguiam ser verdadeiros ateus: o saber e a competncia nos afastam da certeza.

    Enfim, algum poderia se preocupar especificamente com uma consequncia disso tudo: se a ignorncia e a incompetncia nos oferecem certezas (falsas, mas tanto faz), ser que isso no significa que os ignorantes e os incompetentes so os mais aptos a agir? Ser que o excesso de competncia e de saber nos levariam a dvidas sofridas e, portanto, _________ incapacidade de agir? Por exemplo, deve ser fcil decidir a poltica dos EUA a partir do noticirio da televiso, mas se voc lesse e estudasse todos os relatrios preparados pelas diferentes fontes que informam o presidente, ento a tomada de deciso se tornaria complicada, _________. Obviamente, essa no uma razo para se render s facilidades da incompetncia. Tampouco uma razo para no agir. Para agir, preciso aceitar que a qualidade de um ato aparea nas dvidas e no na certeza de quem age, porque, como j dizia Touchstone, o bobo de As You Like it (mais de 400 anos antes de Dunning e Kruger), o idiota pensa que sbio, enquanto o sbio aquele que sabe de ser idiota.

    Disponvel em:. Acesso em: 2 mar. 17. (Adaptado.)

    3839404142434445464748495051525354555657585960616263

    1 Assinale a alternativa que completa corret