Click here to load reader

Definição: a Conferência Missionária é um tempo de explicação, ilustração e personalização da evangelização do mundo

  • View
    217

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Definição: a Conferência Missionária é um tempo de...

  • Definio: a Conferncia Missionria um tempo de explicao, ilustrao e personalizao da evangelizao do mundo.

  • O PLANEJAMENTO DE uma Conferncia Missionria de suma importncia para que possamos motivar a Igreja a participar da obra missionria. Um programa bem planejado a segurana no s de dominarmos o processo e os acontecimentos, mas de podermos prever os resultados que buscamos para a glria de Deus. Lamentavelmente o bom hbito de planejar no tem sido bem cultivado. Devemos, contudo, saber que um bom planejamento meio caminho andado para alcanar os resultados que desejamos.Quando queremos organizar uma Conferncia Missionria, o primeiro passo a ser dado no planejamento geral dever ser definir o que queremos alcanar com sua realizao.

  • 1. DEFINIR O PROPSITODevemos definir o propsito da Conferncia Missionria que queremos realizar Ele vai influir em tudo o mais que fizer parte do planejamento, tanto em termos de objetivos quanto em termos de alvos e mesmo de programao geral.Qualquer atividade que no tenha o objetivo de buscar em primeiro lugar a glria do Senhor precisa ser reavaliada.Propsito Glorificar a Deus, o Senhor da Misso.

  • 2 . DEFINIR OS OBJETIVOS importante lembrar que os objetivos da Conf. Miss. Devem estar de acordo com o lema e o planejamento que a igreja estabeleceu em termos de mdio e longo prazo em sua ao missionria.Para servir de exemplo:Objetivo PrincipalPromover a implantao da Oferta Missionria de F (OMF)Objetivos SecundriosInformar sobre o progresso missionrio da igreja;Estabelecer novos desafios missionrios;Formar grupos de apoio aos missionrios;Despertar a igreja para a necessidade de se envolver com indivduos no trabalho missionrio.Estabelecendo o propsito e seus objetivos (principal e secundrio), o Conselho Missionrio dessa igreja local define bem aquilo que deseja promover.

  • 3. DEFINIR OS ALVOSAlvos so realidades tangveis e mensurveis que desejamos alcanar com a programao a ser desenvolvida, ou seja, os resultados que queremos alcanar em termos prticos e numricos.Ex. Alvos PropostosLevantar uma oferta miss. De R$ .........Votar a adoo de novos miss.Definir o compromisso financeiro com novos projetos miss.

  • 1. POCAH igrejas que optam por ocasies j consagradas na denominao para a realizaoda campanha miss.. Outras escolhem datas diferentes, mas que convm para a maioria de seus membros. Algumas ainda programam a Conf. Miss. Para uma poca do ano e dias do ms me que as pessoas esto mais folgadas em termos de compromissos financeiros.Algumas datas devem ser particularmente evitadas: perodo de frias (por muita gente estar viajando); incio das aulas (muitos gastos); final de ms (quando normalmente as condies financeiras da famlia j esto no nvel de reserva); na mesma poca de outra campanha (evitando assim duplicar o esforo financeiro de uma mesma famlia naquele ms).Esses e outros aspectos devem ser seriamente considerados pelo Conselho Missionrio.

  • 2. PERIODICIDADEA periodicidade da realizao da Conf. Miss. varia bastante de uma igreja para outra em todo o Brasil, podendo ser anual, a cada dois anos ou at mesmo Mini-Conferncias sendo at mesmo duas ao ano; e por a vai.

    3. DURAOA durao de uma Conf. Miss. depende da igreja local que a promove e do planejamento feito a partir dos objetivos estabelecidos.Existe a preocupao de o programa no ser muito longo, para no cansar a igreja. O que se tenta evitar um desgaste na viso e no envolvimento missionrios. A Conf. Miss. deve ser sempre um programa que deixe no corao das pessoas a vontade de participar novamente, e o desejo de que a igreja venha a realizar outra conferncia.

  • 4 . DEFINIO DOS PLANOS DA CONF. MISS.Definidas as questes preliminares, como propsitos, alvos e o tempo da realizao do evento, o Conselho Miss. pode partir para o planejamento especfico da programao da Conf. Miss.

    I. Escolha da dataNo planejamento das atividades anuais da igreja, separe a data para a Conferncia Missionria. Considere e avalie o seguinte: calendrio da comunidade, calendrio da igreja, clima,etc.Estabelea que a conferncia missionria ser um evento marcante em sua igreja. Colocando o nmero de ordem, os membros da igreja e a comunidade em geral vo reconhecer que um evento anual (1, 2, 3,... Conferncia)

  • 5. Escolha um tema e divisa

    sempre recomendvel definir um tema motivador para a Conferncia. Tem de ser uma frase ou declarao curta e fcil de ser lembrada, mas que leve possveis participantes a desejar envolver-se na programao. Poder ser tirado diretamente da Bblia, de uma verdade bblica ou crist, ou mesmo de alguma declarao.Tema e divisa daro a tnica, a nfase da Conferncia, e serviro para estimular os participantes a um envolvimento com a verdade bblica missionria.EX. Tema Pregai a toda criaturaDivisa Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura Mc 16:15

  • 6. Escolha os convidados para ministrarOutro aspecto importante a ser considerado com bastante cuidado nessa fase do planejamento a questo que envolve o orado da Conferncia.O orador/preletor principal: Ao convidar o pregador principal, importante levar em considerao as seguintes qualificaes:1. Experincia na rea de missesNa igreja local No campo missionrio 2. Conhecimento das bases bblicas de misses3. Conhecimento das necessidades mundiais4. Uma paixo pelos perdidos e um corao ardente por misses5. Uma vida cheia do Esprito SantoObs. Um alerta! No convide algum famoso, com a motivao de trazer mais pessoas.

  • 7. O Programa da Conferncia Missionria Cultos de desafio: Este o "carro-chefe para a personalizao de misses mundiais na igreja local, porque o momento onde temos o maior nmero de membros da igreja, para receberem o desafio e as informaes missionrias.

    1. Planeje com antecedncia: Um bom planejamento fundamental para que Deus, atravs do Esprito Santo, trabalhe nas mentes e coraes dos participantes.

    2. Divida as tarefas e o tempo: Cada pessoa que vai ministrar deve saber exatamente o que vai fazer, quando vai fazer e o tempo que tem para fazer. Para isso importante ter uma reunio com todos, para orientao e orao.

    3. Deixe bem claro os objetivos: Os objetivos do culto de desafio so despertar a viso, promover conhecimento, motivar envolvimento, provocar conscientizao, alcanar decises. Os que vo ministrar devem conhecer claramente os alvos especficos da igreja quanto a esse culto.

  • GASTOS COM MATERIAL DE DIVULGAOGASTOS COM ALIMENTAOGASTOS COM PREGADORES, PALESTRANTES, PASSAGEM, OFERTA, COMBUSTVEL, ETC.GASTOS COM ORNAMNETAO

    TODOS OS GASTOS TEM QUE SER CONTABILIZADO PARA QUE NO TENHA PREJUZOS E NO TENHA CONSTRAGIMNETO NA HORA DOS ACERTOS FINANCEIROS.

  • 8. Os componentes do culto:

    Louvor e adorao: Hinos e canes que exaltem a Deus e promovam o espalhar de Sua glria a todas as naes.

    Orao: Podemos usar um perodo desse culto para orar por missionrios, por naes, por povos no alcanados, por outras igrejas, etc. Use os cartes de orao, o livro"Intercesso Mundial", cartas de missionrios, etc.

    Testemunho: Um dos pontos importantes desse culto o testemunho de missionrios. Deixe claro ao missionrio, o que voc quer que a igreja receba no testemunho, e d a ele o tempo suficiente. importante estabelecer o tempo para no prejudicar as outras partes.

    Entrevista: Dependendo da personalidade do missionrio ou do tipo de trabalho que ele executa, voc poder optar por uma entrevista ao invs do testemunho. Nesse caso importante planejar em conjunto com ele os tipos de perguntas que voc ir fazer.

    Pregao: Esse um dos momentos mais importantes do culto, porque o povo ouvir o que a Palavra de Deus tem a dizer sobre misses mundiais. No se esquea de dar ao pregador tempo suficiente para expor a Palavra e fazer os desafios ao povo. Cuidado para no dar a palavra ao pregador muito tarde.

    Audiovisuais: Voc poder usar como parte do culto uma apresentao de um filme, ou slides. Verifique bem a qualidade e a mensagem desse material. Teste com antecedncia todos os equipamento. Tenha peas de reposio disponveis. Espere o inesperado! Se algum equipamento falhar, tenha uma atividade alternativa enquanto o conserto esteja sendo realizado.

    Desfile de bandeiras: Na abertura e no encerramento da conferncia voc poder ter um desfile com pessoas vestidas de trajes tpicos carregando bandeiras, que devero ser fixadas no plpito durante todo o perodo da conferncia.

    Dramatizao: Se for possvel organize dramatizaes com mensagem missionria bem significativa e contextualizada.

  • Modelo de Ordem de Culto para uma Conferncia Missionria

    19:30 - Louvor e adorao = 15 minutos19:45 - Orao = 2 minutos19:47 - Boas vindas as visitantes (pastor) = 3 minutos19:50 - Testemunho missionrio = 10 minutos20:00 - Msica especial = 3 minutos20:03 - Mensagem = 50 minutos20:53 - Avisos (referentes conferncia) = 3 minutos20:56 - Hino final = 4 minutos21:00 Encerramento

    B. Seminrios: Voc poder ter na sua conferncia diversos seminrios, usando a presena dos convidados, para continuar dando a viso, conhecimento, envolvimento, conscientizao e desafios aos membros de sua igreja. Esses seminrios podero ser dados no sbado e domingo durante o dia. No se esquea de que o objetivo alcanar a mxima personalizao de misses entre os membros de sua igreja. Da a importncia de ser um seminrio informal, com tempo para perguntas e respostas.

    C. Escola Dominical: Voc poder optar por manter as classes da Escola Dominical no domingo e usar a presena dos missionrios para que cada classe tenha contato pessoal com eles. Nesse caso no se esquea de consultar o missionrio anteriormente sobre o tipo de auditrio que ele prefere. Alguns tm dificuldades de falar para crianas.

  • 9 . Organize as comisses de trabalho importante envolver a maioria dos membros da igreja no trabalho de preparao, execuo

Search related