Ed. 850 O Regional

Embed Size (px)

DESCRIPTION

O Jornal O Regional é um semanário que circula na Região AMSULEP do PR com as principais notícias da semana.

Text of Ed. 850 O Regional

  • Sexta-feira, 23 de Novembro de 2012 Edio 850 - Ano XVII

    Circulao: Pin, Agudos do Sul, Tijucas do Sul, Mandirituba, Quitandinha, Campo do Tenente, Contenda, Lapa, Fazenda Rio Grande, Rio Negro, Pinhais e So Bento do Sul.

    O Jornal da Regio

    @o_regional

    redacao@oregionalpr.com.br

    facebook.com/oregionalpr

    Concessionria garante concluso da duplicao da 116 at fevereiro

    5 so detidos por roubo de carro em Mandirituba

    5,2 mil frascos de lana perfumes foram apreendidos pela polcia na Lapa. A droga vinha da Argentina com destino a festas raves em Curitiba. PGINA 21

    A Autopista Planalto Sul, empresa que administra o trecho da BR 116 na regio, informou que se mantm a previso de que as obras de duplicao de Curitiba at a cidade de Fazenda Rio Grande sero concludas em fevereiro de 2013. PGINA 3

    A Guarda Municipal de Mandirituba prendeu cinco pessoas, entre elas uma menor de idade, envolvidas em roubo de carro. Eles haviam praticado assalto em Curitiba. PGINA 20

    O prefeito eleito de Campo do Tenente, Jorginho Quege, fez questo de ter o vice Baby Negrelli ao lado durante entrevista para O Regional e destacou que faro um governo democrtico, principalmente na conexo com a comunidade. PGINA 4

    Apreenso recorde de drogas na Lapa

    Jorginho defende governo participativo

    Entrevista

    Obras esto concentradas atualmente nas proximidades da ponte do rio Iguau, entre Curitiba e Fazenda Rio Grande

  • O REGIONAL - Sexta-feira, 23 de Novembro de 2012 2

    Jornal Semanal de Pin e Regio Insc. Municipal - 0308 / 2422

    Rua Manaus, 500 Centro PinParan - Cep 83860-000

    Jornalista Responsvel:Heros Fanini DRT/PR 05111redacao@oregionalpr.com.br www.oregionalpr.com.br

    Telefone/fax: 41 3632 1256

    Editora J. O Regional LtdaCNPJ-01.276.217/0001-91T. B. R. S.CNPJ-05.526.452/0001-25

    Este ms, o grupo Niezapo-minajka, de Campo do Tenente, participou da 3 Mostra de Folclore Polons de Indaial, em Santa Catarina. A equipe tenen-teana foi um dos destaques do evento, levando entusiasmo e boa coreografia na dana.

    O grupo conquistou ainda dois ttulos na coroao da princesa do Folclore Polons. Claudia Mazur ficou em pri-meiro lugar e Andrielli Casa-grande conquistou a segunda posio. A classificao de melhor torcida tambm ficou com o Niezapominajka.

    Com a coreografia de Luis Gustavo Gomes Guarize, o grupo, que formado por 35 componentes e existe a mais de 20 anos, apresentou duas msicas, que reviveu costumes e tradies polonesas.

    Grupo polons de Campo do Tenente se apresenta em Indaial

    Niezapominajka existe h mais de 20 anos e vivenciou os costumes e tradies polonesas na Mostra de Folclore Polons de Indaial

    GRUPO TENENTEANO FOI destaque em evento realizado em Santa Catarina

    Trafegar pela 116: pacincia e tempo de sobra

  • O REGIONAL - Sexta-feira, 23 de Novembro de 2012 3

    A populao da regio su-leste paranaense acompanha com expectativa as obra de duplicao da BR 116 entre Curitiba e Fazenda Rio Gran-de. Para muitos municpios, a rodovia o principal acesso para a capital e a lentido no referido trecho sempre foi uma das principais queixas dos mo-toristas nos ltimos anos. Os constantes acidentes tambm motivaram pedidos de urgncia na duplicao, inclusive com manifestaes.

    O andamento dos trabalhos segue normalmente, dentro do cronograma segundo a Autopista Planalto Sul. A obra foi iniciada h pouco mais de um ano, em outubro de 2011, com previso de estar concluda em fevereiro de 2013, ou seja, daqui a trs me-ses. Segundo a concessionria, o prazo se mantm.

    Atualmente h uma grande frente de trabalho nas proximi-dades da ponte do rio Iguau, o que tem exigido pacincia e cuidados dos motoristas. Est sendo duplicado nesta etapa um trecho de oito quilmetros entre Curitiba e Fazenda. Na prxima etapa, a rodovia duplicada ser estendida at Mandirituba. Sero mais 18 quilmetros e o prazo neste caso vai at 2016.

    Prazo para concluso da duplicao da BR 116 vai at fevereiro de 2013

    Previso feita no incio da obra de que trabalhos de Curitiba a Fazenda Rio Grande sejam concludos nos prximos trs meses. Continuidade at Mandirituba deve ocorrer at 2016

    PARA SE DIRIGIR at a capital do estado, os motoristas precisam, alm de muito cuidado, pacincia para enfrentar as grandes filas

  • O REGIONAL - Sexta-feira, 23 de Novembro de 2012

    Politicandoredacao@oregionalpr.com.br

    4

    O Regional d continuidade sua srie de entrevistas com os prefeitos eleitos na regio da Amsulep e nesta semana foram ouvidas as pretenses dos prximos administradores municipais de Campo do Te-nente. O prefeito eleito Jorginho Quege recebeu a equipe deste semanrio em sua casa, junto ao seu vice Baby Negrelli.

    Jorginho vice na admi-nistrao que est encerrando seu mandato, do prefeito Celso Wenski; ele j havia sido vere-ador na dcada de 90. J Baby ir exercer seu primeiro cargo eletivo. Ambos se renem j planejando as primeiras aes de governo. Mesmo sendo eleitos no mesmo grupo da atual gesto, disseram que tero um jeito novo de administrar.

    Jorginho quer administrao participativa e transparente

    Prefeito eleito de Campo do Tenente e seu vice, Baby Negrelli, pretendem implantar uma filosofia prpria de governo

    O Regional A sua eleio representa a continuidade do atual governo, que por sinal, somou importantes conquistas. A ideia fazer uma gesto de manuteno ou voc pensa em algo di-ferente?Jorginho Queremos dar continuidade ao que vem sendo feito de bom, mas correr atrs e fazer a diferena. A expectativa grande, eu e o Baby formamos uma dupla nova na administrao e que-remos retribuir a confiana. Vamos implantar a nossa filosofia, dando tambm uma renovada na equipe. Nossa administrao ser administrativa e transparente. A sade ser prioridade e queremos trabalhar tambm fortemente na gerao de emprego e renda e outros setores.

    O Regional Campo do Tenente um dos municpios com me-nor arrecadao da regio da Amsulep. Como enfrentar isso? possvel trabalhar com equipe pequena e evitar gastos com comissionados?Jorginho Vamos tentar, faremos o mximo com os recursos que temos. Mas iremos buscar parcerias com os governos estadual e federal para investimentos na cidade, assim como na gesto atual, onde o municpio entrou com contrapartidas. Maiores investimen-tos sero com o governo federal. J temos representantes que nos ajudam nestas esferas intermediando para que importantes inves-timentos aconteam no municpio.

    O Regional Pensando no municpio para o futuro, qual a vocao de Campo do Tenente? Onde ele pode se destacar?Jorginho Campo do Tenente tem potencial turstico e tambm logstico. E o municpio j tem uma vocao no setor madeireiro, possuindo grandes reas de reflorestamento, alm da indstria cermica, que tem grande potencial para investimento e uma das melhores matrias primas do estado. Queremos tambm incentivar a produo de hortifrutigranjeiros e fomentar uma cooperativa para ajudar os pequenos produtores na comercializao de seus produtos.

    O Regional A cidade cortada por uma rodovia estadual e parece que no se tira proveito disso. D para fazer algo neste aspecto?Jorginho D para tirar grande proveito disso. um fator positivo logisticamente. O municpio cortado ainda por uma linha frrea, o que pode ser aproveitado. Pode haver investimento neste sentido, como silo graneleiro, porto seco, entre outros. mais um potencial.

    O Regional Voc tem um irmo que j prefeito numa cidade catarinense e voc vice-prefeito na gesto atual, ou seja, est ciente do desafio. O que a populao pode esperar do seu governo?Jorginho Queremos fazer uma administrao que fique na his-tria. Esperamos no decepcionar. grande a esperana do povo em relao nossa administrao. Juntos, prefeito e vice, vamos nos dedicar pra valer em prol de Campo do Tenente e sua gente.

    BABY E JORGINHO falaram dos desafios que tero frente do municpio

    Encontro de prefeitosAcontece na prxima semana um seminrio para prefeitos eleitos

    do Paran. O evento ser realizado em Foz do Iguau, nos dias 28, 29 e 30, numa promoo do Governo do Estado e o Sebrae. Na pauta, palestras de orientao para captao de recursos e parce-rias. So apenas dois convites por cidade, ou seja, sem desculpa para grandes comitivas no evento.

    SalriosO prefeito eleito de Joinville,

    Udo Dhler (PMDB), registrou em cartrio durante a campa-nha eleitoral que abriria mo do salrio na prefeitura caso fosse vitorioso. Ele vai deixar nos co-fres pblicos mensalmente 20 mil reais, que sero utilizados para atividades sociais na cida-de. Udo Dhler atua por cerca de 40 anos como diretor do Hospital Dona Helena, atividade que exerce de forma voluntria.

    LapaAtenta ao prazo para apresentao de emendas ao oramento

    da Unio, a prefeita eleita da Lapa, Leila Klenk (PT), esteve essa semana em Braslia. Ela se encontrou com parlamentares e pediu apoio nas indicaes de recursos em favor do municpio. Leila tambm esteve nos Ministrios da Educao e Sade e na Casa Civil, onde conversou sobre programas do governo federal.

    Agudos do SulDevem ser iniciadas em breve as obras da ligao entre a PR 281 e

    a PR 419, no permetro urbano de Agudos do Sul. O prefeito Antonio da Luz (PP) disse que aguarda nos prximos dias a autorizao do governo estadual para o incio dos trabalhos. A obra j est licitada pelo DER e o investimento ser de 1,7 milho. O trecho que receber pavi-mentao asfltica compreende parte da rua Alcides de Lima Maoski e da Cndido Fagundes dos Santos, numa extenso de 1,8 quilmetro.

    MandiritubaNesta semana o presidente da cmara de vereadores de Man-

    dirituba, Z Luiz (PSD), reclamou de um projeto de lei que tramita no Congresso de autoria do senador Ciro Nogueira que prev o fim dos salrios de vereadores em municpios com menos de 50 mil habitantes. Z Luiz classificou como demagogia a proposta. Em Mandirituba, a re