of 68/68
Relações com Investidores | pág 1 Unibanco e Unibanco Holdings, S.A. APIMEC 2005 São Paulo 29 de novembro Relações com Investidores

Unibanco e Unibanco Holdings, S.A. APIMEC 2005 São Paulo 29 de novembro

  • View
    32

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Unibanco e Unibanco Holdings, S.A. APIMEC 2005 São Paulo 29 de novembro. Relações com Investidores. 1. O Unibanco Hoje. História. Mais de 80 anos de história no mercado financeiro brasileiro. Estrutura Organizacional. Segmentação e Distribuição. Base de Clientes. Consolidação. - PowerPoint PPT Presentation

Text of Unibanco e Unibanco Holdings, S.A. APIMEC 2005 São Paulo 29 de novembro

Apresentação do PowerPointAPIMEC 2005
São Paulo
Mais de 80 anos de história no mercado financeiro brasileiro
História
Crescimento expressivo de ativos ao longo dos últimos 15 anos
Fonte: Pesquisa Unibanco
Bancos Estatais
Relações com Investidores | pág *
Relações com Investidores | pág *
(1) Pro-Forma: exclui a carteira da Credicard; inclui Hipercard.
R$ bilhões
Atacado
Varejo
36,9
Set-05
56%
44%
Migração para segmentos de maiores margem e rentabilidade. Expansão de crédito focada em Financiamento ao Consumo e PMEs
33%
67%
Core deposits
Estabelecimento de uma área única de comunicação corporativa
Terceirização de atividades não essenciais
Contratação de determinados serviços em parceria com outros bancos
Redução de passivos trabalhistas
Maior índice de satisfação de funcionários obtido em junho de 2005
Principais Ações
Despesas de Pessoal
Redução de Despesas
Metas
no
Atacado
Captação
Seguros
Abertura de aproximadamente 100 mil contas correntes no ano de 2005
Vendas Cruzadas: Varejo
O que estamos fazendo
Relações com Investidores | pág *
+46,4%
+51,1%
Novo posicionamento
Vendas cruzadas
Crescimento das receitas de prestação de serviços
Rígido controle de custos
Objetivos
Resultados
Construção de uma imagem mais calorosa e próxima da linguagem do varejo
Altos índices de recall
Utilização promocional dos personagens
Relações com Investidores | pág *
Relações com Investidores | pág *
R$ Milhões
44%
56%
35.154
16,0%
Jun-05
36.872
Set-05
4,9%
56%
44%
4,4%
5,3%
Set-04 *
29.724
52%
48%
Dez-03 *
49%
27.721
51%
54%
31.796
Dez-04
46%
7,2%
24,0%
Set-04
Jun-05
Set-05
Fininvest:
37,6%
23,9%
42,8%
PMEs:
38,4%
12,4%
Foco em vendas cruzadas: Cartões de Crédito, Contas Bancárias, Capitalização, Seguros e Garantia Estendida
4.305
5.908
37,2%
Set-04
Set-05
Set-04
Set-05
Sinergias com o grupo (Fininvest, Unicard, Hipercard)
Receita de Serviços: cash management, desconto em folha etc.
Significativa contribuição para o crescimento de core deposits
PMEs (R$ milhões)
PMEs & Financiamento de Veículos
Mercado fragmentado e com elevado potencial de crescimento
Aquisição da totalidade das ações do Banco Dibens em junho de 2005
4.884
6.759
38,4%
Set-04
Set-05
Relações com Investidores | pág *
Setembro de 2005
Coordenador líder em importantes operações no mercado de renda variável
Coordenou a abertura de capital (IPO) da OHL Brasil S.A. no montante de R$496 milhões.
Coordenador líder da oferta pública de 86,1 milhões de Units do Unibanco, pertencentes à Caixa Brasil, no total de R$1,8 bilhão
2º lugar em originação e distribuição de debêntures no ranking da Anbid
Participação nas seguintes emissões: Telemar, Vicunha Siderurgia, Sanepar, Celpe, AES-Tietê, Net e Eletropaulo totalizando um volume de R$3,4 bilhões
2a posição na modalidade BNDES-exim e 3º posição no ranking total
Liberação no montante de R$257 milhões como agente financeiro do BNDES (BNDES-exim), com liberações no total de R$589 milhões
2a posição como banco mais ativo na Cetip, no mercado de swap
A posição acumulada na carteira atingiu o montante de R$2,3 bilhões, fortalecendo sua posição em operações estruturadas com derivativos para clientes
Reconhecimento da área Pesquisa Renda Variável na revista Institutional Investor
Classificada entre as Top 10 Research Houses no ranking 2005 All-Brazil Research Team.
Conquista da 1a posição no setor Varejista e 3a posição no setor Aeroviário, Transportes & Indústrias
Relações com Investidores | pág *
Atacado - Renda Variável
O Unibanco participou como coordenador em 11 das principais ofertas de ações realizadas por empresas brasileiras nos últimos 24 meses, com volume agregado de aproximadamente US$ 3,2 bilhões
Relações com Investidores | pág *
100
870
794
829
2.430
2.390
(373)
(407)
(342)
(1.138)
(942)
(170)
(129)
(141)
(464)
(238)
Margem Financeira
Carteira E-H / Carteira Total
95,8%
115,0%
112,1%
Set-04
Jun-05
Set-05
4,7%
3,9%
4,1%
Set-04
Jun-05
Set-05
99,2%
125,7%
117,2%
Set-04
Jun-05
Set-05
R$ Milhões
479
408
1.363
1.217
105
100
305
287
Subtotal
870
722
2.430
2.097
829
2.430
2.390
3T05
2T05
3T04
9M05
9M04
448
246
100
794
794
66%
59%
65%
61%
64%
Bônus Perpétuos – US$ 500 milhões
Emissão de bônus perpétuos em julho de 2005: US$ 500 milhões
Cupom: 8,70% a.a.
Call Option: direito de resgate total em Jul/2010 ou nas datas de pagamento de juros subseqüentes
Rating da operação: Ba2 pela agência Moody's Investors Service, Inc.
Impacto no BIS Ratio: aumento de 1,7 p.p. no Índice de Basiléia do Unibanco
Investidores: cerca de 875 investidores, destaque para private banks e Ásia
Roadshow: Cingapura, Hong Kong, Genebra e Londres
Operação Inédita de Liquidity Facility
Lastreada por notas emitidas no Programa de Securitização de Recebíveis e no UBB Diversified Payment Rights Finance Company
Recursos, nos próximos dois anos, no montante de até US$ 200 milhões, com prazo de pagamento de sete anos
FGIC - Financial Guaranty Insurance Company foi o garantidor da operação
SMBC - Sumitomo Mitsui Banking Corp atuou como estruturador
Relações com Investidores | pág *
2,65
2,25
2,40
Fonte: Factset
(1) Com base na média móvel do volume negociado de 30 dias
Oferta Global: Setembro de 2003
Oferta Secundária: Janeiro de 2005
Inclusão no Índice IBrX-50
2
Crescimento consistente da liquidez ao longo dos últimos dois anos.
Inclusão da Unit – UBBR11 – no IBOVESPA a partir de maio de 2005.
Volume médio diário negociado
Volume médio diário negociado
Adicionalmente, na nova carteira do Ibovespa, divulgada em 01 de setembro, a Unit aumentou significativamente seu peso no índice, de 0,984% para 1,264% (28% de aumento)
6
Volume médio diário negociado
&L&"UBSLogo,Regular"&16ab&R&"Frutiger 45 Light,Regular"&7 &"Frutiger 45 Light,Bold"&7&P
Daily Trading Volume
Acionista Vendedor:
Oferta total com Alocação Adicional (Greenshoe) : 86.149.216 Units
Preço Final: R$ 20,49 por Unit e US$ 44,00 por GDS
Volume Financeiro: R$ 1.765 milhões
Demanda: 3,0x oferta
R$ 20,49
US$ 44,00
UNIT + GDS
Relações com Investidores | pág *
“Começamos a nos perguntar se as recentes mudanças na estrutura organizacional do banco estão tendo um impacto negativo nas operações.”
“… pouco espaço para surpresas … Os números indicam que o crescimento é derivado de uma redução na margem operacional. … Vemos com preocupação os níveis de eficiência do banco.”
“Estamos satisfeitos com o forte crescimento da carteira de crédito, mas acreditamos firmemente que não é sustentável no médio prazo. … estamos preocupados com a habilidade do banco de controlar suas despesas …”
Percepção dos Analistas - Junho de 2004
Relações com Investidores | pág *
“Forte crescimento dos resultados recorrentes, ainda não precificados.”
“O maior controle de custos é resultado do bem-sucedido processo de reestruturação que o Unibanco iniciou em 2004.”
“Esperamos um impacto positivo no preço na ação – o banco está indo na direção estabelecida – alavancando seu ROE.”
“Contínuo crescimento, com aumento de rentabilidade pelo sexto trimestre consecutivo.”
“O momento da franquia do Unibanco é estimulante, evidenciando que as iniciativas do processo de reestruturação e o fortalecimento da força de vendas estão sendo bem sucedidas.”
“Nós reafirmamos nossa recomendação de Overweight para as ações do Unibanco. Continuamos a acreditar que o Unibanco oferece maior alavancagem nos ganhos que seus concorrentes e achamos sua avaliação atrativa, particularmente na espera por crescimento e rentabilidade.”
Percepção dos analistas - 2005
Relações com Investidores | pág *
Responsabilidade Social
Áreas de atuação:
Instituto Moreira Salles – Destaques 2005
Inauguração da mais ampla exposição já realizada do carioca Marc Ferrez (1843-1923)
Divulgação de um acervo fotográfico, que reúne registros históricos da transformação do Brasil, no Museu Carnavalet em Paris
Em São Paulo, destaque para a mostra retrospectiva de Alice Brill, em homenagem aos 85 anos da fotógrafa
A programação do IMS somou 39 mil visitantes aos centros culturais até setembro de 2005, sendo que cerca de seis mil estudantes participaram das visitas monitoradas às exposições
Relações com Investidores | pág *
Instituto Unibanco - Destaques
Das Ruas para as Empresas (Secret. Municipal de Assistência Social do Rio de Janeiro e ONG Life)
Programa Junior Achievement (ONG do mesmo nome)
Espaço do Artesão (Prefeitura do Rio de Janeiro e ONG Aplauso RIO)
Alfabetização Solidária (com ONG do mesmo nome)
Programa de Preparação Para o Trabalho (Capacitação Solidária)
Avenida Central (Sec. da Educação do Munícipio do Rio de Janeiro)
Círculos de Leitura (Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial)
Estúdio Aprendiz (ONG Cipó, Salvador)
Grandes conquistas e avanços com a formação e renovação de parcerias para a execução de inúmeros projetos
Relações com Investidores | pág *
Modelo de distribuição baseado nas empresas do Unibanco
Operação de microcrédito produtivo com bases financeiras sustentáveis
Desenvolvimento de processos de modelagem e crédito para empreendedores de baixa renda
Potencial de atuar em grande escala
Primeiro banco privado brasileiro a operar neste mercado
Parceria com o IFC
5.264 contratos financiados
Microcrédito
2.003
3.363
4.787
6.542
9.248
Set-04
Dez-04
Mar-05
Jun-05
Set-05
Relações com Investidores | pág *
57 agentes de microcrédito
Ganho de Escala e
Relações com Investidores | pág *
A apresentação faz referências e declarações sobre expectativas, sinergias planejadas, planos de crescimento, projeções de resultados e estratégias futuras sobre o Unibanco, suas subsidiárias e afiliadas. Embora essas referências e declarações reflitam o que os administradores acreditam, as mesmas envolvem imprecisões e riscos difíceis de se prever, podendo, desta forma, haver resultados ou conseqüências diferentes daqueles aqui antecipados e discutidos. Esses riscos e incertezas incluem, mas não são limitados, à nossa habilidade de perceber a dimensão das sinergias projetadas e seus cronogramas; bem como aspectos econômicos, competitivos, governamentais e tecnológicos que possam afetar tanto as operações do Unibanco, quanto o mercado, produtos/preços, e outros fatores detalhados nos documentos do Unibanco arquivados juntamente à CVM – Comissão de Valores Mobiliários, cabendo aos interessados lerem e avaliarem cuidadosamente as expectativas e estimativas aqui contidas. O Unibanco não se responsabiliza em atualizar qualquer estimativa contida nesta apresentação.
Para informações adicionais favor contactar a área de
Relações com Investidores