UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA .NCM - Nomenclatura Comum do MERCOSUL N - Nmero P. –

  • View
    216

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA .NCM - Nomenclatura Comum do MERCOSUL N - Nmero P....

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

CENTRO SCIO-ECONMICO

CURSO DE CINCIAS CONTBEIS

SIMONE DA COSTA

FORMAO DE PREOS EM UMA EMPRESA INDUSTRIAL DO RAMO

NUTICO

FLORIANPOLIS

2011

SIMONE DA COSTA

FORMAO DE PREOS EM UMA EMPRESA INDUSTRIAL DO RAMO

NUTICO

Trabalho de Concluso de Curso apresentado ao Curso de Graduao de Cincias Contbeis da Universidade Federal da Santa Catarina, como requisito obteno do grau de Bacharel em Cincias Contbeis.

Orientador: Erves Ducati, M.Sc.

Co-orientador: Srgio Murilo Petri, Dr.

FLORIANPOLIS

2011

SIMONE DA COSTA

FORMAO DE PREOS EM UMA EMPRESA INDUSTRIAL DO RAMO

NUTICO

Esta monografia foi apresentada como TCC, no curso de Cincias Contbeis da

Universidade Federal de Santa Catarina, banca examinadora constituda pelo

professor orientador e membros abaixo mencionados.

Florianpolis, SC, 29 de junho de 2011.

Professora Valdirene Gasparetto, Dra. Coordenadora de TCC do Departamento de Cincias Contbeis

Professores que compuseram a banca examinadora:

Professor Erves Ducati, M.Sc. Orientador

Professor Sergio Murilo Petri, Dr. Co-orientador

Professor Ricardo Rodrigo Stark Bernard, PhD Membro

AGRADECIMENTOS

A Deus, em primeiro lugar, por sempre iluminar meu caminho e me dar foras

em todos os momentos de minha vida.

Aos meus pais, Orlando e Sonia, pelos esforos para me darem uma boa

educao, por todo o apoio e incentivo dado nesta caminhada, pela pacincia e

compreenso nos momentos mais desesperadores no decorrer deste trabalho.

Aos meus irmos, Rodrigo e Junior, por sempre estarem comigo e me darem

apoio.

A minha av, Adlia (em memria), que sempre esteve ao meu lado, cuidando

de mim, e que infelizmente no presenciou a minha entrada nesta universidade e

agora a minha formatura, mais espero que aonde ela estiver, sinta orgulho de sua

neta.

Ao professor e orientador Erves Ducati, pela orientao recebida, por sua

dedicao e pacincia, pelas importantes sugestes e ateno concedida.

Ao professor e co-orientador Srgio Murilo Petri, por ter me indicado o

professor Erves Ducati para ser meu orientador, pelo apoio e por sempre me atender

quando precisei.

Aos amigos que fiz durante todo o curso de Cincias Contbeis, pela amizade

e companheirismo, em especial aos sobreviventes da turma de 2007/1- diurno, que

esto encerrando assim como eu mais uma etapa desta vida.

A todos aqueles que participaram de alguma forma e em algum momento

deste trabalho e que tambm foram muito importantes. Muito Obrigada!

Cada um de ns compe a sua histria

Cada ser em si

Carrega o dom de ser capaz

E ser feliz.

(ALMIR SATER E RENATO TEIXEIRA)

RESUMO

COSTA, Simone da. Formao de preos em uma empresa industrial do ramo nutico. 46f. Trabalho de Concluso de Curso Graduao em Cincias Contbeis.

Universidade Federal de Santa Catarina, 2011. A pesquisa tem como objetivo geral propor uma abordagem para formao de preos mais vivel para uma empresa industrial do ramo nutico, situada na regio da grande Florianpolis. Foi realizado um estudo de caso e a pesquisa foi enquadrada como sendo descritiva e qualitativa. Atravs de uma entrevista no estruturada com os gestores da empresa XYZ e uma pesquisa documental, foram coletados os dados necessrios a realizao deste estudo. Os preos dos concorrentes foram pesquisados em empresas do ramo nutico com produtos dentro da metragem requerida de 30 a 33 ps, pertencentes ao Estado de Santa Catarina, retiradas dos sites da ACOBAR e ACATMAR. Aps os dados coletados, eles foram analisados e interpretados de acordo com o objetivo desta pesquisa. Para um melhor entendimento o estudo foi fundamentado teoricamente, sendo apresentado o conceito de Contabilidade Gerencial e seu auxlio nas atividades das empresas e os mtodos de formao de preos baseado nos custos, nos concorrentes, no mercado e o mtodo misto. Foi identificado que o mtodo de formao de preos utilizado pela empresa o mtodo baseado nos custos, em seguida foi formado o preo atravs dos mtodos baseado nos concorrentes, no mercado e o mtodo misto. Com relao ao mtodo baseado no mercado, o preo no foi apresentado em valores, apenas exposto estratgia de preo que poderia ser seguida pela empresa analisada, devido s dificuldades de mensurar algumas informaes correspondentes as percepes dos consumidores que compem tal preo. Contudo, chegou-se a concluso de que o mtodo misto seria o mais vivel para a empresa XYZ, por proporcionar maiores informaes sobre os custos da empresa, o mercado no qual ela est inserida e os preos dos concorrentes, sendo possvel ter uma boa estratgia para a formao dos seus preos e de acordo com o objetivo definido pela empresa. Palavras- Chave: empresa industrial do ramo nutico, mtodos de formao de preos, mtodo misto.

LISTA DE QUADROS

Quadro 1: Funes da Informao gerencial contbil ............................................... 20

Quadro 2: Custos dos materiais de construo da empresa XYZ. ............................ 33

Quadro 3: Despesas da Empresa XYZ ..................................................................... 34

Quadro 4: Clculo do Mark-up .................................................................................. 35

Quadro 5: Preos dos Concorrentes ......................................................................... 37

Quadro 6: Mark-up e Preo de venda final Mtodo Misto ...................................... 40

LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS

% - Porcentagem

ABC Activity Based Costing

ACATMAR - Associao Catarinense de Marinas, Garagens nuticas e afins

ACOBAR - Associao Brasileira dos Construtores de Barcos e seus implementos

COFINS - Contribuio para Financiamento da Seguridade Social

CSLL - Contribuio Social sobre o Lucro Lquido

ICMS - Imposto sobre a circulao de mercadorias e servios

IPI - Imposto sobre produtos industrializados

IRPJ - Imposto de renda de pessoa jurdica

NCM - Nomenclatura Comum do MERCOSUL

N - Nmero

P. Pgina

PIS - Programa de integrao social

Pr-nutica - Programa de incentivo indstria nutica

RKW - Reichskuratorium fr Wirtschaftlichkeit

R$ - Cifro de reais

SUMRIO

1 INTRODUO ................................................................................................... 10

1.1 TEMA E PROBLEMA ........................................................................................ 10

1.2 OBJETIVOS DA PESQUISA ............................................................................ 11

1.2.1 Objetivo geral................................................................................................ 12

1.2.2 Objetivos especficos ................................................................................... 12

1.3 JUSTIFICATIVA DO ESTUDO ..................................................................... 12

1.4 METODOLOGIA DA PESQUISA ................................................................. 13

1.4.1 Enquadramento da pesquisa....................................................................... 14

1.4.2 Coleta e anlise dos dados ......................................................................... 15

1.5 DELIMITAES E LIMITAES DA PESQUISA............................................ 16

2 FUNDAMENTAO TERICA .......................................................................... 19

2.1 CONTABILIDADE GERENCIAL ....................................................................... 19

2.2 FORMAO DE PREOS ............................................................................... 21

2.2.1 Formao de preos com base nos custos .............................................. 21

2.2.1.1 Mark up .................................................................................................... 22

2.2.1.2 Mtodos de custeio ..................................................................................... 22

2.2.2 Formao de preo com base no mercado ................................................ 25

2.2.3 Formao de preo com base nos concorrentes ...................................... 28

2.2.4 Mtodo Misto ................................................................................................ 31

3 ESTUDO DE CASO ........................................................................................... 32

3.1 APRESENTAO DA EMPRESA...................................................................... 32

3.2 ANLISE DOS DADOS E FORMAO DE PREOS ........................................ 32

3.2.1 Mtodo de Formao de Preo Baseado nos Custos ................................ 33

3.2.2 Mtodo de Formao de Preo Baseado no mercado ................................ 35

3.2.3 Mtodo de Formao de Preo Baseado nos Concorrentes ...................... 37

3.2.4 Mtodo Misto .................................................................................................. 39

4 CONCLUSES E RECOMENDAES ............................................................ 41

REFERNCIAS ......................................................................................................... 43

1

Related documents