Coluna montante

  • View
    10.603

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of Coluna montante

Dimensionamento de uma instalao colectiva

Coluna Montante

Disciplina de TecnologiasCEF Curso de Educao e FormaoElectricista de InstalaesTipo 2 Nvel IIItinerrio de Qualificao: 52201 - Electricidade e EnergiaFormador: Marco Silva

2

Coluna Montante

Dimensionamento de uma instalao colectiva

Caixa de corte geralCaixas de barramentosCaixas de proteco das sadas3Exemplo:4

Dimensionar a coluna montante e entradas de um edifcio para habitaes com as caractersticas indicadas na figura.Clculo da potncia 5N de colunas: 1N de habitaes: 8Potncia total: (4 x 10,35) + (4 x 17,25) = 110,4 KVACoeficiente de simultaneidade: 0,75Potncia de dimensionamento: 110,4 x 0,75 = 82,8 KVA

Clculo da corrente de servio (IB)6S = 3 Uc IB IB = S / 3 UCIB = 82 800 / (1,73 x 400)IB = 119,7 AClculo da seco do condutorSeco nominal dos condutores (mm2)Correntes admissveis (A)10162535507095120425673891081361641887Intensidades admissveis em canalizaes elctricas com trs condutores de cobre isolados (PVC) em condutas circulares (tubos) embebidas em elementos da construo termicamente isolantes (Quadro 52-C3 Parte 5 Anexos das RTIEBT)Considerando condutores isolados do tipo H07V-R instalados em tubo VD, a seco a considerar ser de 70 mm2 (IZ = 136 A). de notar que se verifica a condio IB < IZ (119,7A < 136A)Dimetro do tubo8(a) Para condutores de seco nominal superior a 16 mm2, os valores correspondentes a quatro e cinco condutores consideram que, respectivamente, 1 ou 2 condutores so de seco reduzida (condutor neutro e condutor de proteco).O dimetro do tubo VD ser de 90mm (VD 90), j que vamos ter 5 condutores enfiados no tubo.

Proteco contra sobreintensidades9O fusvel respeita as condies de funcionamento contra sobrecargas ?

O dispositivo de proteco seleccionado o fusvel do tipo gG que garante proteco contra sobrecargas e curto circuitos, como exigido regulamentarmente.A intensidade nominal (In) do fusvel ser de 125 A (valor imediatamente acima da corrente de servio IB = 119,7 A).A intensidade convencional de fuso/funcionamento (I2) ser de:I2 = 200 A Proteco contra sobrecargas101 condio:

IB In IZ 119,7 A < 125 A < 136 A condio verificada

2 condio:

I2 1,45 IZ 200A 1,45 x 136200A 197,2A condio no verificada

Como a proteco contra sobrecargas no fica assegurada, em virtude de a 2 condio no ter sido verificada, temos de seleccionar uma seco do condutor imediatamente acima, ou seja, 95 mm2 (IZ= 164A)

1 condio:

IB In IZ 119,7 A < 125 A < 164 A condio verificada

2 condio:

I2 1,45 IZ 200A 1,45 x 164200A < 237,8A condio verificadaProteco contra curto - circuitos11Como o poder de corte de um fusvel do tipo gG de 100 KA e o poder de corte previsvel para uma alimentao elctrica a partir da rede pblica de baixa tenso tem nas condies mais desfavorveis, ou seja, na proximidade de um posto de transformao valores tpicos inferiores a 6 KA, ento a regra do poder de corte est verificada (Icc Pdc).

Como o fusvel escolhido garante a proteco simultnea contra sobrecargas e curto circuitos, uma vez verificada a regra do poder de corte, dispensvel a verificao da regra do tempo de corte t = K x (S / Icc)Aparelho de corte do Quadro de Coluna12O aparelho de corte do Quadro de Coluna ser do tipo interruptor tetrapolar de corrente estipulada igual a 125 A e tenso estipulada de 400V.

Caractersticas do Quadro de coluna13Quadro de colunas (QC):Caixa de corte geral: GC (250A)Caixa de barramento: BBD (630A)Caixa de proteco de sada:PD (1x250 A - fusveis APC tamanho 1)* xxD duas sadas; xxT trs sadas

*+Caractersticas das Caixas de coluna

14S = 3 Uc I I = S / 3 UcI = 17 250 / (1,73 x 400)I = 25 ACaixas de coluna: CAD (32 A)Para as entradas monofsicas de 10,35 KVA (*) a corrente de sada ser de:S = U I I = S / UI = 10 350 / 230I = 45 ACaixas de coluna: CBD (63 A)As caixas de coluna devero ser previstas para a derivao de entradas trifsicas, mesmo que, quando do seu estabelecimento, delas sejam derivadas apenas entradas monofsicas.Para as entradas trifsicas de 17,25 KVA (*) a corrente de sada ser de:(*) A alimentao poder ser monofsica para potncias at 13,8 KVA (60 A) se no existirem receptores trifsicos.Entradas15Canalizao elctrica (de baixa tenso) compreendida entre uma caixa de coluna e a origem de uma instalaoelctrica de utilizao.

Segundo as Regras Tcnicas das Instalaes Elctricas de Baixa Tenso nas entradas (monofsicas ou trifsicas) destinadas a alimentar locais residenciais ou de uso profissional no podero ser empregues canalizaes com condutores de seco nominal inferior a 6 mm2 nem tubos de dimetro nominal inferior a 32 mm.Entradas trifsicas de 17,25 KVA I = 25 A seco dos 5 condutores: 4x6+T6 (IZ=31A) tubo VD 32 mm.Entradas monofsicas de 10,35 KVA I = 45 A seco dos 3 condutores: 2x16+T10 (IZ=56A) tubo VD 40 mm.Condutores neutro e de proteco16Coluna montante:Condutor neutro e de proteco (PE), cobre, 50mm2

Soluo possvel17

Coluna montante: H07V-R 3x95+50+T50 - VD 90 mmIn = 125 APdc = 100 KAIn = 125 AUn = 400 VCaixa de corte geral: GC (250A)Caixa de barramento: BBD (630A)Caixa de proteco de sada: PD (1x250 A)Caixas de coluna: CBD (63 A)Quadro de coluna (QC)Entrada: H07V-U 5G6 - VD 32 mmEntrada: H07V-U 2x16+T10 - VD 40 mmDimensionamento da Coluna Montante

Exerccio 118

N de colunas: N de habitaes: Potncia total: Coeficiente de simultaneidade: Potncia de dimensionamento:

19

S = 3 Uc IB IB = S / 3 UCIB = 82 800 / (1,73 x 400)IB = 119,7 A

2021Seco nominal dos condutores (mm2)Correntes admissveis (A)101625355070951204256738910813616418822

23

1 condio:

IB In IZ

2 condio:

I2 1,45 IZ 2425

*+Para as entradas TrifsicasS = 3 Uc I I = S / 3 UcI = 17 250 / (1,73 x 400)I = 25 APara as entradas monofsicasS = U I I = S / UI = 10 350 / 230I = 45 A26