of 58/58

272 Trimestre de 2019) - Teixeira Duarte · 3º trim. 19 3º trim. 18 var (%) jul-set 19 jul-set 18 var (%) (valores em milhares de euros) relatÓrio intercalar | 3º trimestre 2019

  • View
    0

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of 272 Trimestre de 2019) - Teixeira Duarte · 3º trim. 19 3º trim. 18 var (%) jul-set 19 jul-set 18...

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    2

    TEIXEIRA DUARTE

  • 3

    TEIXEIRA DUARTE

    ÍNDICEÍNDICEÍNDICEÍNDICE

    ÍNDICE .......................................................................................................................................................................................... 3

    IDENTIFICAÇÃO DA SOCIEDADE ............................................................................................................................................... 4

    PRINCIPAIS INDICADORES ......................................................................................................................................................... 5

    RELATÓRIO INTERCALAR DE GESTÃO ..................................................................................................................................... 7

    I. INTRODUÇÃO ........................................................................................................................................................................ 8

    II. APRECIAÇÃO ECONÓMICA E FINANCEIRA ....................................................................................................................... 8

    III. FACTOS OCORRIDOS APÓS A CONCLUSÃO DO 3º TRIMESTRE DE 2019 ................................................................... 16

    IV. PERSPETIVAS ................................................................................................................................................................... 16

    DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS .............................................................................................................. 18

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DA POSIÇÃO FINANCEIRA ...................................................................................... 19

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DOS RESULTADOS .................................................................................................. 20

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DOS RESULTADOS E DOS OUTROS RENDIMENTOS INTEGRAIS ....................... 21

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DAS ALTERAÇÕES NO CAPITAL PRÓPRIO ........................................................... 22

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DOS FLUXOS DE CAIXA .......................................................................................... 23

    NOTAS ANEXAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS ......................................................................... 24

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    4

    TEIXEIRA DUARTE

    IDENTIFICAÇÃO DA SOCIEDADE

    TEIXEIRA DUARTE, S.A.

    SOCIEDADE ABERTA Sede: Lagoas Park, Edifício 2 - 2740-265 Porto Salvo Capital Social: € 210.000.000 Número Único de Pessoa Coletiva e de Matrícula na Conservatória do Registo Comercial de Cascais-Oeiras 509.234.526

  • 5

    TEIXEIRA DUARTE

    PRINCIPAIS INDICADORES

    Proveitos Operacionais de 764 milhões de euros;

    Volume de Negócios de 652 milhões de euros;

    Mercado Externo representa 75,4% do Volume de Negócios; EBITDA de 146 milhões de euros; Margem EBITDA / Volume de Negócios de 22,4%;

    Resultados Líquidos Atribuíveis a Detentores de Capital de 20,1 milhões de euros;

    Ativo Líquido do Grupo de 1.910 milhões de euros; Divida Financeira Líquida de 755 milhões de euros; Autonomia Financeira fixou-se em 18,7%.

    Demonstração dos Resultados dos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018

    Proveitos operacionais 763.565 707.278 8,0% 273.684 212.625 28,7%

    Custos operacionais (617.266) (597.153) 3,4% (205.273) (193.675) 6,0%

    EBITDA 146.299 110.125 32,8% 68.411 18.950 261,0%

    Amortizações e depreciações (42.225) (31.861) 32,5% (13.705) (10.073) 36,1%

    Provisões e perdas por imparidade (22.692) (3.649) - (22.931) (745) -

    EBIT 81.382 74.615 9,1% 31.775 8.132 290,7%

    Resultados financeiros (63.156) (57.000) 10,8% (27.680) (19.367) 42,9%

    Resultados antes de impostos 18.226 17.615 3,5% 4.095 (11.235) -

    Imposto sobre o rendimento (513) (11.874) (95,7%) 2.799 2.066 (35,5%)

    Resultado líquido 17.713 5.741 208,5% 6.894 (9.169) -

    Atribuível a:

    Detentores de capital 20.051 7.094 182,6% 7.766 (10.276) -

    Interesses não controlados (2.338) (1.353) 72,8% (872) 1.107 -

    Jul-Set 19 Jul-Set 18 Var (%)3º Trim. 19 3º Trim. 18 Var (%)

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    6

    TEIXEIRA DUARTE

  • 7

    TEIXEIRA DUARTE

    RELATÓRIO INTERCALAR DE GESTÃO

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    8

    TEIXEIRA DUARTE

    I. INTRODUÇÃO

    Nos termos e para os efeitos das disposições legais e regulamentares aplicáveis, a TEIXEIRA DUARTE, S.A. (“TD,SA”) divulga o Relatório Intercalar referente aos primeiros nove meses de 2019, do qual fazem parte também as demonstrações financeiras consolidadas anexas.

    Esclarece-se que, em cumprimento e ao abrigo dos normativos sobre a prestação de informação periódica, os elementos aqui divulgados se referem apenas ao âmbito consolidado e que as demonstrações financeiras consolidadas em 30 de setembro de 2019 foram preparadas utilizando políticas contabilísticas consistentes com as Normas Internacionais de Relato Financeiro (“IFRS”), tal como adotadas na União Europeia, efetivas para os períodos iniciados em 1 de janeiro de 2019 e em conformidade com a IAS 34 – Relato Financeiro Intercalar.

    Sem prejuízo do regular acompanhamento da atividade do Grupo Teixeira Duarte pelos seus Órgãos de Fiscalização, assim como pelo reporte de informação que lhes foi sendo prestado a propósito da elaboração deste documento, os elementos aqui publicados não foram, ao abrigo das disposições aplicáveis, auditados.

    Para além das Demonstrações Financeiras Consolidadas e das respetivas notas anexas, neste documento será também apresentada uma breve exposição sobre a evolução da atividade do Grupo no período em análise.

    Apesar de existirem indicadores de que a economia Angolana deixará de ser classificada como economia hiperinflacionaria no presente exercício, o Grupo optou por continuar a aplicar a IAS 29 nestas suas contas trimestrais, sem prejuízo de, no final do exercício e com os dados então atualizados sobre a economia Angolana, poder rever a sua posição sobre esta matéria.

    II. APRECIAÇÃO ECONÓMICA E FINANCEIRA

    Os proveitos operacionais tiveram um aumento de 8% face ao período homólogo, atingindo o montante de 763.565 milhares de euros.

    Evolução dos Proveitos Operacionais

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Todos os Setores tiveram bons desempenhos de atividade, sendo que os crescimentos registados na Construção, em Portugal e no Brasil, foram os que mais contribuíram para o aumento deste indicador.

    Os proveitos operacionais a 30 de setembro de 2019 estavam distribuídos da seguinte forma, destacando-se, fruto do antes referido, o aumento da expressão da Construção no valor total dos proveitos operacionais.

  • 9

    TEIXEIRA DUARTE

    Proveitos Operacionais por Setor de Atividade

    O Volume de Negócios atingiu 652.238 milhares de euros, o que reflete um aumento 2,6% face ao período homólogo, ou seja, mais 16.725 milhares de euros.

    Evolução do Volume de Negócios por Mercados

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Mais do que a dimensão do aumento alcançado, destaca-se o facto de o mesmo constituir uma inversão da tendência de redução que se vinha verificando nos últimos cinco exercícios.

    Em Portugal registou-se uma ligeira diminuição de 0,5% face aos primeiros nove meses de 2018, enquanto que, os outros mercados cresceram globalmente 3,7%.

    Neste contexto, os mercados externos passaram a representar 75,4% do total do Volume de Negócios do Grupo Teixeira Duarte, face a 74,6% verificados no período homólogo,

    1.005.362

    828.179 739.252

    635.513 652.238

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    10

    TEIXEIRA DUARTE

    Nos mapas infra constam o Volume de Negócios detalhado por países e o Volume de Negócios por setores de atividade, sendo percetível a exposição do Grupo a contextos económicos diferenciados.

    Evolução do Volume de Negócios por Países

    Valor Contributo Valor Contributo Valor Contributo Valor Contributo

    Portugal 160.605 24,6% 161.376 25,4% (0,5%) 53.847 25,4% 46.772 22,6% 15,1%

    Angola 178.634 27,4% 210.144 33,1% (15,0%) 52.437 24,7% 70.733 34,2% (25,9%)

    Argélia 79.755 12,2% 92.955 14,6% (14,2%) 20.600 9,7% 37.793 18,2% (45,5%)

    Brasil 131.288 20,1% 99.140 15,6% 32,4% 49.292 23,2% 27.171 13,1% 81,4%

    Espanha 28.298 4,3% 26.861 4,2% 5,3% 8.795 4,1% 8.799 4,2% (0,0%)

    Moçambique 21.886 3,4% 23.072 3,6% (5,1%) 6.497 3,1% 10.738 5,2% (39,5%)

    Venezuela 15.641 2,4% 11.218 1,8% 39,4% 6.947 3,3% 963 0,5% 621,4%

    Outros 36.131 5,5% 10.747 1,7% 236,2% 13.814 6,5% 4.139 2,0% 233,8%

    652.238 100,0% 635.513 100,0% 2,6% 212.229 100,0% 207.108 100,0% 2,5%

    Países3º T 19 3º T 18

    VariaçãoJul-Set 19 Jul-Set 18

    Variação

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Evolução do Volume de Negócios por Setores de Atividade

    Valor Contributo Valor Contributo Valor Contributo Valor Contributo

    Construção (*) 390.269 59,8% 359.122 56,5% 8,7% 125.561 59,2% 139.338 67,3% (9,9%)

    Concessões e Serviços (*) 94.864 14,5% 80.996 12,7% 17,1% 33.997 16,0% 22.976 11,1% 48,0%

    Imobiliária 15.078 2,3% 53.424 8,4% (71,8%) 3.598 1,7% 1.761 0,9% 104,3%

    Hotelaria 31.167 4,8% 28.633 4,5% 8,8% 10.188 4,8% 9.352 4,5% 8,9%

    Distribuição 96.166 14,7% 90.767 14,3% 5,9% 31.305 14,8% 26.538 12,8% 18,0%

    Automóvel 24.694 3,8% 22.571 3,6% 9,4% 7.580 3,6% 7.143 3,4% 6,1%

    652.238 100,0% 635.513 100,0% 2,6% 212.229 100,0% 207.108 100,0% 2,5%

    3º T 19 3º T 18VariaçãoSetor de Atividade

    Jul-Set 19 Jul-Set 18Variação

    (*) – VALORES DE 2018 RECLASSIFICADOS EM VIRTUDE DE NESTE PERÍODO SE TER PROCEDIDO À RECLASSIFICAÇÃO DA ATIVIDADE DE EXPLORAÇÃO DO PUERTO LA GUARIA, NA VENEZUELA, DA CONSTRUÇÃO PARA AS CONCESSÕES E SERVIÇOS

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Globalmente, destaca-se a diminuição da atividade em Angola e na Argélia, bem como a redução deste indicador no Setor da Imobiliária, ainda que neste último caso, tal não resulte do decréscimo das operações, mas sim ao ciclo dos empreendimentos em Portugal e à alteração dos normativos contabilísticos aplicáveis aos empreendimentos desenvolvidos no Brasil.

    Em desenvolvimento do indicado no mapa acima, expõem-se agora algumas notas relativamente à atuação agregada das empresas do Grupo por cada um dos setores de atividade, durante os primeiros nove meses de 2019:

    CONSTRUÇÃO

    O Volume de Negócios na Construção cresceu 8,7% face ao período homólogo de 2018.

    Em Portugal, o Grupo teve um aumento de 17.149 milhares de euros, correspondente a um acréscimo de 18,8% face ao ano passado, essencialmente devido ao bom desempenho conseguido no mercado privado da Construção.

    O aumento nos outros mercados foi de 13.998 milhares de euros, o que corresponde, na globalidade, a um crescimento de 5,2% em relação ao terceiro trimestre de 2018, com acréscimos de 42.068 milhares de euros no Brasil, e de 25.101 milhares de euros em Outros Mercados, dos quais se destacam o Equador, o Perú e a Colômbia, que compensaram os decréscimos verificados na Argélia, em Moçambique e, em especial, em Angola.

    Com estas evoluções, em 30 de setembro de 2019 o mercado externo passou a representar 72,2% do volume de negócios na Construção, em vez dos 74,6% que representava em setembro de 2018.

    Volume de Negócios da Construção

    (*) – VALORES DE 2018 RECLASSIFICADOS

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

  • 11

    TEIXEIRA DUARTE

    A Carteira de Encomendas do Grupo Teixeira Duarte para o setor de construção diminuiu face ao final de 2018, fixando-se no final do terceiro trimestre deste ano em 1.223.542 milhares de euros.

    De referir que o valor da Carteira de Encomendas apenas reflete os compromissos de execução de obras e desconsidera aquelas relativamente às quais, apesar de contratadas, não existe previsão de desenvolvimento.

    Do mesmo modo, cumpre referir a este propósito que, em 23 de outubro de 2019 foram assinados dois contratos para realização de subempreitadas no Estado do Kuwait no montante global de 177,9 milhões de euros, o qual acresce ao da Carteira de Encomendas apurado em 30 de setembro de 2019.

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    O Grupo desenvolveu, até 30 de setembro, a sua atividade neste setor nas áreas do Facilities Management (através da “TDGI” em vários mercados) e da Educação (através da EDUCARE, em Angola), tendo também empresas que atuaram nas áreas do Ambiente (através da RECOLTE em Espanha) e de Atividades Portuárias (através da exploração do Puerto La Guaira, na Venezuela), estas duas últimas não assumidas como nucleares.

    As empresas do Grupo que atuam neste setor das Concessões e Serviços alcançaram, globalmente um crescimento do Volume de Negócios de 17,1% face a setembro de 2018, sendo que em Portugal tal crescimento foi de 21,4%.

    Cumpre destacar que, na sequência de um processo negocial, foi celebrado em 19 de setembro de 2019, entre a RECOLTE e a URBASER S.A.U., um acordo tendo em vista a cessão da posição contratual da RECOLTE em todos os Contratos Administrativos e Privados na Área do Meio Ambiente, em Espanha, o que está a ser concretizado à medida em que se vão verificando os requisitos necessários para cada uma dessas cessões.

    Volume de Negócios das Concessões e Serviços

    (*) – VALORES DE 2018 RECLASSIFICADOS

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    IMOBILIÁRIA

    Apesar da boa atuação das empresas do Grupo que operam neste setor ao longo dos primeiros nove meses de 2019, o volume de negócios teve, em comparação, com o igual período do ano passado um decréscimo de 71,8%, devido ao ciclo dos empreendimentos em Portugal e à alteração dos normativos contabilísticos aplicáveis aos empreendimentos desenvolvidos no Brasil.

    Com efeito, em Portugal houve uma redução de 27.489 milhares de euros, que corresponde a uma diminuição de 79,8% face ao período homólogo de 2018, a qual se atribui ao facto de no mesmo período do ano anterior se ter concretizado um significativo volume de vendas de imóveis antes em comercialização (que se havia traduzido num aumento de 56,9% em relação a 2017). Ainda assim, refira-se que este ano o Grupo tem em desenvolvimento em Portugal dois projetos com a designação comercial “One Living” e “Fabrica 1921”, tendo já sido celebrados até 30 de setembro de 2019 contratos-promessa de compra e venda, no montante global de 150.564 milhares de euros, que, quando concretizadas as escrituras se refletirão num acréscimo significativo de Volume de Negócios.

    No Brasil o Grupo teve uma diminuição de 9.782 milhares de euros, correspondente a 63,6% face ao período homólogo, para o que contribuiu também o facto de o normativo contabilístico aplicável aos empreendimentos em desenvolvimento ter diferido o momento de reconhecimento dos proveitos.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    12

    TEIXEIRA DUARTE

    Volume de Negócios da Imobiliária

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    HOTELARIA

    O Volume de Negócios das empresas do Grupo que atuam na Hotelaria aumentou, na sua globalidade, 8,8% face ao terceiro trimestre de 2018, com crescimentos em Portugal de 49% e em Moçambique de 21,8%, que compensaram o decréscimo de 11,6% registado em Angola.

    Volume de Negócios da Hotelaria

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    DISTRIBUIÇÃO

    No setor da Distribuição, as empresas do Grupo tiveram um aumento de 5,9% no seu volume de negócios face ao período homólogo.

    Volume de Negócios da Distribuição

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Em Angola, a atividade em Kwanzas registou um crescimento de 24% face a setembro de 2018, sendo que, na transposição para a moeda do Grupo (Euros), se apurou, devido à desvalorização cambial do Kwanza, apenas um aumento de 6% face ao período findo em 30 de setembro de 2018.

  • 13

    TEIXEIRA DUARTE

    AUTOMÓVEL

    No setor Automóvel e depois das empresas do Grupo terem retomado de forma regular a importação de veículos e peças para Angola, atingiu-se um aumento global do Volume de Negócios de 9,4% relativamente aos primeiros nove meses de 2018.

    Volume de Negócios do Automóvel

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Evolução do EBITDA do Grupo

    O EBITDA registou um aumento de 32,8% face ao período homólogo e fixou-se em 146.299 milhares de euros.

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    EBITDA por Setores de Atividade

    Construção (*) 69.327 42.687 62,4% 28.793 13.930 106,7%

    Concessões e Serviços (*) 9.976 12.683 (21,3%) 1.298 4.772 (72,8%)

    Imobiliária 43.557 38.745 12,4% 30.499 (1.154) -

    Hotelaria 11.621 8.531 36,2% 3.101 2.247 38,0%

    Distribuição 6.252 5.539 12,9% 2.968 (669) -

    Automóvel 8.723 9.253 (5,7%) 3.136 2.365 32,6%

    Não afetos a segmentos (3.001) (7.311) 59,0% (1.271) (2.530) 49,8%

    Eliminações (156) (2) - (113) (11) -

    146.299 110.125 32,8% 68.411 18.950 261,0%

    Setor de Atividade 3º T 19 3º T 18 Var (%) Jul-Set 19 Jul-Set 18 Var (%)

    (*) – VALORES DE 2018 RECLASSIFICADOS

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    De destacar a boa subida deste indicador no Setor da Construção, resultante não só do aumento da atividade alcançado pelas empresas do Grupo, mas também da otimização conseguida no seu desempenho.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    14

    TEIXEIRA DUARTE

    Os resultados financeiros foram negativos e fixaram-se em 63.156 milhares de euros, enquanto que, no período homólogo haviam sido negativos em 57.000 milhares de euros.

    Este indicador reflete variações importantes que se entendem destacar:

    • Variação positiva de 25.166 milhares de euros das diferenças de câmbio;

    • Variação positiva de 3.368 milhares de euros dos juros suportados;

    • Variação negativa de 29.883 milhares de euros da posição monetária líquida;

    • Variação negativa de 5.685 milhares de euros dos outros custos e perdas financeiros.

    O Imposto sobre o Rendimento atingiu em 30 de setembro de 2019 o montante negativo de 513 milhares de euros, enquanto nos primeiros nove meses de 2018 se havia fixado em 11.874 milhares de euros negativos.

    Os Resultados Líquidos Atribuíveis a Detentores de Capital foram de 20.051 milhares de euros, registando um acréscimo de 182,6% face a igual período de 2018.

    Para além do impacto normal do desenvolvimento da atividade das entidades que integram o Grupo Teixeira Duarte nos seus diferentes mercados de atuação, este indicador foi também influenciado:

    - Positivamente, pelo facto das diferenças de câmbio financeiras nos primeiros nove meses de 2019 terem sido negativas no valor de 35.125 milhares de euros, enquanto que, no período homólogo haviam sido negativas em 60.291 milhares de euros;

    - Negativamente, pelo facto do impacto da posição monetária líquida decorrente da aplicação da IAS 29 às empresas de Angola e da Venezuela ter sido de 2.490 milhares de euros em setembro de 2019, enquanto que em 2018 havia sido de 32.373 milhares de euros.

    O Total do Ativo Líquido aumentou 2,8% em relação a 31 de dezembro de 2018, tendo-se fixado em 1.910.020 milhares de euros, o que corresponde a um acréscimo de 52.320 milhares de euros, dos quais 39.655 milhares de euros são decorrentes da aplicação da IFRS 16 – Locações.

    Evolução do Ativo Líquido

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    A Divida Financeira Líquida registou um aumento de 66.532 milhares de euros desde o final de 2018, tendo-se fixado em 755.425 milhares de euros.

    Tal evolução deveu-se essencialmente aos seguintes fatores:

    • Aumento de 40.355 milhares de euros, resultante da aplicação da IFRS 16 – Locações;

    • Redução de 31.039 milhares de euros em disponibilidades, resultante por um lado do reforço do investimento no Setor Imobiliário e, por outro, do fundo de maneio desfavorável e da desvalorização das moedas com que o Grupo opera, que atingiu 10.031 milhares de euros;

    • Redução de 4.845 milhares de euros de dívida financeira.

    O rácio Divida Financeira Líquida / EBITDA em 30 de setembro de 2019 fixou-se em 3,9x.

  • 15

    TEIXEIRA DUARTE

    Evolução da Divida Financeira Líquida

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    O Capital Próprio Atribuível a Acionistas reduziu 43.765 milhares de euros, passando de 367.624 milhares de euros para 323.859 milhares de euros, correspondendo a um decréscimo de 11,9% em relação a 31 de dezembro de 2018.

    O Total do Capital Próprio diminuiu 11,3%, tendo-se fixado em 357.910 milhares de euros, influenciado, essencialmente, pelos seguintes fatores:

    • Resultado líquido positivo de 17.713 milhares de euros;

    • Impacto negativo de 64.257 milhares de euros, resultante da conversão cambial registada em função da desvalorização das divisas em que o Grupo opera face ao Euro.

    A Autonomia Financeira passou de 21,7%, em 31 de dezembro de 2018, para 18,7% em 30 de setembro de 2019.

    O Número Médio de Trabalhadores em 30 de setembro de 2019 era de 11.534, registando um acréscimo de 9,5% face a 31 de dezembro de 2018, essencialmente por força da atividade da Construção no Brasil.

    A cotação dos títulos da “Teixeira Duarte, S.A.” evoluiu de 0,135 euros em 31 de dezembro de 2018 para 0,118 euros em 30 de setembro de 2019.

    No gráfico infra verifica-se a evolução das cotações das ações durante os primeiros seis meses deste ano, tendo variado neste período entre um mínimo de 0,0906 euros e um máximo de 0,172 euros.

    Cotações da Teixeira Duarte, S.A.

    Foram transacionados em bolsa, neste período, 123.569.255 ações, com um volume de negócios no montante global de 16.166.438 euros.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    16

    TEIXEIRA DUARTE

    III. FACTOS OCORRIDOS APÓS A CONCLUSÃO DO 3º TRIMESTRE DE 2019

    A TEIXEIRA DUARTE prosseguiu a sua atividade nos diversos mercados em que atua, não havendo a assinalar qualquer facto relevante ocorrido após 30 de setembro de 2019 e a data da emissão do presente documento.

    Refira-se, ainda assim, que já depois do fecho do terceiro trimestre, o Banco Nacional de Angola anunciou a liberalização da taxa de câmbio, sendo que, desde 30 de setembro de 2019 até esta data, o Kwanza sofreu uma desvalorização de cerca de 30% face ao euro, o que, tendo o Grupo ativos relevantes e passivos expressos nesta moeda, causará um impacto nos capitais próprios em termos a apurar.

    IV. PERSPETIVAS

    Nesta data, o Grupo Teixeira Duarte prevê atingir, em finais de 2019, proveitos operacionais consolidados de cerca de 1.000 milhões de euros.

    Tendo presente a relevância da Construção nos proveitos operacionais do Grupo, recorda-se que a Carteira de Encomendas da Construção se fixou em 30 de setembro de 2019 no valor global de 1.223.542 milhares de euros. Cumprindo recordar a este propósito que, em 23 de outubro de 2019, foram assinados dois contratos para realização de subempreitadas no Estado do Kuwait no montante global de 177,9 milhões de euros, o qual acresce ao da Carteira de Encomendas apurado em 30 de setembro de 2019.

    Para uma análise mais detalhada relativamente aos períodos mais próximos, apresenta-se de seguida um mapa com elementos adicionais sobre a sua distribuição por mercados de atuação:

    Valor Contributo (%) Valor Contributo (%)

    Portugal 74.520 40,1% 145.095 30,4%Outros Mercados 111.538 59,9% 332.291 69,6%

    Total 186.058 100,0% 477.386 100,0%

    Out a Dez 2019 2020

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Lagoas Park, 28 de novembro de 2019

    O Conselho de Administração,

    Pedro Maria Calainho Teixeira Duarte

    Manuel Maria Calainho de Azevedo Teixeira Duarte

    Carlos Gomes Baptista

    Maria da Conceição Maia Teixeira Duarte

    Diogo Bebiano Branco de Sá Viana Rebelo

  • 17

    TEIXEIRA DUARTE

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    18

    TEIXEIRA DUARTE

    RELATÓRIO INTERCALAR DE GESTÃO

  • 19

    TEIXEIRA DUARTE

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DA POSIÇÃO FINANCEIRA

    EM 30 DE SETEMBRO DE 2019 E 31 DE DEZEMBRO DE 2018 (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    30/09/2019 31/12/2018

    (Não auditadas) (auditadas)

    Ativos não correntes:

    Goodwill 12.281 12.271

    Ativos intangíveis 69.723 65.013

    Ativos fixos tangíveis 13 472.062 552.632

    Propriedades de investimento 14 198.323 194.091

    Direito de uso 27 48.497 -

    Investimentos em associadas e empreendimentos conjuntos 7 e 15 22.124 16.821

    Outros investimentos financeiros ao custo amortizado 16 4.236 4.219

    Outros investimentos financeiros ao justo valor através de outro rendimento integral 7 e 16 15.764 16.930

    Ativos por impostos diferidos 18 171.199 149.435

    Clientes 25.078 23.441

    Outros devedores 15.041 11.091

    Total de ativos não correntes 1.054.328 1.045.944

    Ativos correntes:

    Inventários 207.394 192.645

    Clientes 245.183 186.103

    Outros devedores 33.412 22.194

    Outros investimentos financeiros ao custo amortizado 16 - 14.665

    Outros investimentos financeiros ao justo valor através de outro rendimento integral 7 e 16 10 -

    Caixa e equivalentes a caixa 20 140.952 171.991

    Outros ativos correntes 193.843 189.262

    820.794 776.860

    Ativos detidos para venda 17 34.897 34.897

    Total de ativos correntes 855.691 811.757

    TOTAL DO ATIVO 7 1.910.020 1.857.700

    Capital próprio:

    Capital 21 210.000 210.000

    Ajustamentos de partes de capital em associadas e empreendimentos conjuntos (556) (673)

    Ajustamentos de conversão cambial 26 (364.797) (303.790)

    Reservas e resultados transitados 22 459.161 450.960

    Resultado líquido consolidado 20.051 11.127

    Capital próprio atribuível a acionistas 323.859 367.624

    Interesses não controlados 34.051 35.736

    TOTAL DO CAPITAL PRÓPRIO 357.910 403.360

    Passivos não correntes:

    Empréstimos 23 666.278 730.200

    Provisões 64.723 43.946

    Responsabilidades com locações 27 39.086 -

    Locações financeiras - 3.814

    Passivos por impostos diferidos 18 97.087 112.548

    Outros passivos não correntes 64.399 63.654

    Total de passivos não correntes 931.573 954.162

    Passivos correntes:

    Empréstimos 23 183.153 124.076

    Responsabilidades com locações 27 7.860 -

    Fornecedores 144.200 139.646

    Locações financeiras - 2.794

    Outros credores 29.072 21.472

    Outros passivos correntes 232.690 188.629

    596.975 476.617

    Passivos detidos para venda 17 23.561 23.561

    Total de passivos correntes 620.536 500.178

    TOTAL DO PASSIVO 7 1.552.109 1.454.340

    TOTAL DO PASSIVO E CAPITAL PRÓPRIO 1.910.020 1.857.700

    As notas anexas fazem parte integrante da demonstração consolidada da posição financeira em 30 de setembro de 2019.

    Notas

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    20

    TEIXEIRA DUARTE

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DOS RESULTADOS

    DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE SETEMBRO DE 2019 E DE 2018

    (NÃO AUDITADAS)

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Notas 3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    Proveitos operacionais:Vendas e prestações de serviços 7 e 8 652.238 635.513 212.229 207.108

    Outros proveitos operacionais 8 111.327 71.765 61.455 5.517

    Total de proveitos operacionais 8 763.565 707.278 273.684 212.625Custos operacionais:

    Custo das vendas (169.028) (175.601) (53.745) (62.538)Variação da produção 1.493 (18.611) 796 1.067Fornecimentos e serviços externos (235.958) (204.707) (81.963) (71.590)Custos com o pessoal (177.394) (161.361) (61.882) (52.738)Amortizações e depreciações 7 (42.225) (31.861) (13.705) (10.073)Provisões e perdas por imparidade em ativos depreciáveis e amortizáveis e Goodwill 7 (22.692) (3.649) (22.931) (745)

    Outros custos operacionais (36.379) (36.873) (8.479) (7.876)

    Total de custos operacionais (682.183) (632.663) (241.909) (204.493)

    Resultados operacionais 7 81.382 74.615 31.775 8.132Custos e perdas financeiros 7 e 9 (92.270) (131.537) (29.889) (44.901)Proveitos e ganhos financeiros 7 e 9 27.815 73.166 2.111 25.510Resultados relativos a atividades de investimento: Resultados relativos a associadas e empreendimentos conjuntos 7 e 9 726 746 117 260 Outros 7 e 9 573 625 (19) (236)

    Resultados financeiros (63.156) (57.000) (27.680) (19.367)

    Resultados antes de impostos 7 18.226 17.615 4.095 (11.235)Imposto sobre o rendimento 10 (513) (11.874) 2.799 2.066 Resultado líquido consolidado do período 17.713 5.741 6.894 (9.169)

    Resultado líquido atribuível a: Detentores de capital 11 20.051 7.094 7.766 (10.276) Interesses não controlados (2.338) (1.353) (872) 1.107

    Resultado por ação: Básico (euros) 11 0,05 0,02 0,02 (0,02) Diluído (euros) 11 0,05 0,02 0,02 (0,02)

    As notas anexas fazem parte integrante da demonstração consolidada dos resultados do período findo em 30 de setembro de 2019.

  • 21

    TEIXEIRA DUARTE

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DOS RESULTADOS E DOS OUTROS RENDIMENTOS INTEGRAIS

    DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE SETEMBRO DE 2019 E DE 2018

    (NÃO AUDITADAS)

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Notas 3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    Resultado líquido consolidado do período 17.713 5.741 6.894 (9.169)

    Rendimentos e gastos que não serão subsequentemente reclassificados para resultados

    Outras variações de capital 1.170 (1.426) (37) 3.388

    Outros investimentos financeiros ao justo valor através de outro rendimento integral, líquido de impostos16 (193) - (421) -

    977 (1.426) (458) 3.388

    Rendimentos e gastos que podem ser subsequentemente reclassificados para resultados

    Ajustamentos de conversão cambial 26 (64.257) (239.941) (15.025) (38.993)

    Ajustamentos de partes de capital em associadas e empreendimentos conjuntos 15 117 (341) (710) (230)

    (64.140) (240.282) (15.735) (39.223)

    Resultado reconhecido diretamente no capital próprio (63.163) (241.708) (16.193) (35.835)

    Rendimento integral do período (45.450) (235.967) (9.299) (45.004)

    Rendimento integral atribuível a:

    Detentores de capital (43.765) (229.628) (8.789) (44.446)

    Interesses não controlados (1.685) (6.339) (510) (558)

    As notas anexas fazem parte integrante da demonstração consolidada do outro rendimento integral do período findo em 30 de setembro de 2019.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    22

    TEIXEIRA DUARTE

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DAS ALTERAÇÕES NO CAPITAL PRÓPRIO

    DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE SETEMBRO DE 2019 E DE 2018

    (NÃO AUDITADAS)

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Ajus

    tame

    ntos

    Rese

    rva d

    eRe

    serva

    deRe

    sulta

    doTo

    tal do

    capit

    alde

    conv

    ersã

    oRe

    serv

    aOu

    tras

    oper

    açõe

    sre

    valor

    izaçã

    o Re

    sulta

    dos

    liquid

    opr

    óprio

    atri

    buíve

    lIn

    teres

    ses

    Nota

    sCa

    pital

    camb

    ialleg

    alre

    serva

    sde

    cobe

    rtura

    de im

    óveis

    trans

    itado

    sco

    nsoli

    dado

    a acio

    nistas

    não c

    ontro

    lados

    Total

    Saldo

    em 1

    de ja

    neiro

    de 20

    1821

    0.000

    215

    (67.45

    5)42

    .000

    195.2

    13(8.

    490)

    -73

    3(4.

    650)

    367.5

    6641

    .277

    408.8

    43

    Rend

    imen

    to int

    egra

    l do p

    eríod

    o:

    Resu

    ltado

    líquid

    o con

    solid

    ado d

    o perí

    odo

    --

    --

    --

    --

    7.094

    7.094

    (1.35

    3)5.7

    41

    Impa

    cto da

    aplic

    ação

    da IA

    S 29

    em A

    ngola

    e

    V

    enez

    uela

    em 1

    de ja

    neiro

    de 20

    18-

    --

    --

    --

    81.60

    3-

    81.60

    31.7

    0383

    .306

    Varia

    ção n

    os aj

    ustam

    entos

    de co

    nversã

    o cam

    bial

    26-

    -(23

    3.977

    )-

    --

    --

    -(23

    3.977

    )(5.

    964)

    (239.9

    41)

    Efeito

    da ap

    licaç

    ão do

    méto

    do de

    equiv

    alênc

    ia pa

    trimon

    ial15

    -(34

    1)-

    --

    --

    --

    (341)

    -(34

    1)

    Outro

    s-

    --

    --

    --

    (2.40

    4)-

    (2.40

    4)97

    8(1.

    426)

    Oper

    açõe

    s com

    deten

    tores

    de c

    apita

    l no e

    xercí

    cio:

    Aplic

    ação

    do re

    sulta

    do co

    nsoli

    dado

    de 20

    17:

    Trans

    ferên

    cia pa

    ra res

    ultad

    os tra

    nsita

    dos

    --

    --

    --

    -(4.

    650)

    4.650

    --

    -

    Saldo

    em 30

    de se

    tembr

    o de

    2018

    210.0

    00(12

    6)(30

    1.432

    )42

    .000

    195.2

    13(8.

    490)

    -75

    .282

    7.094

    219.5

    4136

    .641

    256.1

    82

    Ajus

    tame

    ntos

    Rese

    rva de

    justo

    valor

    Rese

    rva de

    Resu

    ltado

    Total

    do ca

    pital

    de co

    nver

    são

    Rese

    rva

    Outra

    sin

    vesti

    ment

    os

    reva

    loriza

    ção

    Resu

    ltado

    sliq

    uido

    próp

    rio a

    tribu

    ível

    Inter

    esse

    s

    Nota

    sCa

    pital

    camb

    ialleg

    alRe

    serva

    sfin

    ance

    iros

    de im

    óveis

    trans

    itado

    sco

    nsoli

    dado

    a acio

    nistas

    não c

    ontro

    lados

    Total

    Saldo

    em 1

    de ja

    neiro

    de 20

    1921

    0.000

    (673)

    (303.7

    90)

    42.00

    025

    3.326

    598

    162.0

    85(7.

    049)

    11.12

    736

    7.624

    35.73

    640

    3.360

    Rend

    imen

    to int

    egra

    l do p

    eríod

    o:

    Resu

    ltado

    líquid

    o con

    solid

    ado d

    o perí

    odo:

    --

    --

    --

    --

    20.05

    120

    .051

    (2.33

    8)17

    .713

    Varia

    ção n

    os aj

    ustam

    entos

    de co

    nversã

    o cam

    bial

    26-

    -(61

    .007)

    --

    --

    --

    (61.00

    7)(3.

    250)

    (64.25

    7)

    Varia

    ção d

    o jus

    to va

    lor de

    outro

    s inve

    stime

    ntos a

    través

    de ou

    tro re

    ndim

    ento

    integ

    ral, lí

    quido

    s de i

    mpos

    tos16

    --

    --

    -(19

    3)-

    --

    (193)

    -(19

    3)

    Exce

    dente

    de re

    valori

    zaçã

    o, líq

    uidos

    de im

    posto

    s-

    --

    --

    -(7.

    157)

    7.157

    --

    --

    Efeito

    da ap

    licaç

    ão do

    méto

    do de

    equiv

    alênc

    ia pa

    trimon

    ial15

    -11

    7-

    --

    --

    --

    117

    -11

    7

    Aquis

    ição d

    e inte

    resse

    s não

    contr

    olado

    s-

    --

    --

    --

    (1.64

    1)-

    (1.64

    1)1.6

    41-

    Outro

    s-

    --

    --

    --

    (1.09

    2)-

    (1.09

    2)2.2

    621.1

    70

    Oper

    açõe

    s com

    deten

    tores

    de c

    apita

    l no p

    eríod

    o:

    Aplic

    ação

    do re

    sulta

    do co

    nsoli

    dado

    de 20

    18:

    Trans

    ferên

    cia pa

    ra ou

    tras r

    eserv

    as e

    result

    ados

    trans

    itado

    s-

    --

    -4.6

    72-

    -6.4

    55(11

    .127)

    --

    -

    Saldo

    em 30

    de se

    tembr

    o de

    2019

    210.0

    00(55

    6)(36

    4.797

    )42

    .000

    257.9

    9840

    515

    4.928

    3.830

    20.05

    132

    3.859

    34.05

    135

    7.910

    Rese

    rvas e

    resu

    ltado

    s tra

    nsita

    dos

    Ajus

    tamen

    tos d

    e par

    tes

    de ca

    pital

    em a

    ssocia

    das

    e emp

    reen

    dimen

    tos

    Ajus

    tamen

    tos d

    e par

    tes

    de ca

    pital

    em a

    ssocia

    das

    e emp

    reen

    dimen

    tos

    conju

    ntos

    As no

    tas an

    exas

    faze

    m pa

    rte in

    tegran

    te da

    demo

    nstra

    ção c

    onso

    lidad

    a das

    alter

    açõe

    s no c

    apita

    l próp

    rio do

    perío

    do fin

    do em

    30 de

    setem

    bro de

    2019

    .

    Rese

    rvas e

    resu

    ltado

    s tra

    nsita

    dos

  • 23

    TEIXEIRA DUARTE

    DEMONSTRAÇÕES CONSOLIDADAS DOS FLUXOS DE CAIXA

    DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE SETEMBRO DE 2019 E DE 2018

    (NÃO AUDITADAS)

    (VALORES EM MILHARES DE EUROS)

    Notas 3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    ATIVIDADES OPERACIONAIS: Recebimentos de clientes 644.882 670.466 236.672 209.547 Pagamentos a fornecedores (445.275) (425.459) (149.506) (137.388) Pagamentos ao pessoal (175.966) (164.401) (63.813) (56.497)

    Fluxo gerado pelas operações 23.641 80.606 23.353 15.662 Pagamento/recebimento do imposto sobre o rendimento (15.035) (12.894) (9.198) (1.816) Outros recebimentos/pagamentos relativos à atividade operacional (18.794) (27.085) (5.892) 5.395

    Fluxos das atividades operacionais (1) (10.188) 40.627 8.263 19.241ATIVIDADES DE INVESTIMENTO:Recebimentos provenientes de:

    Investimentos financeiros 20 28.683 126.102 27.037 16.380 Ativos fixos tangiveis e propriedades de investimento 10.621 4.859 5.252 3.144 Juros e proveitos similares 5.730 5.247 4.196 2.218 Dividendos 20 628 1.104 5 -

    45.662 137.312 36.490 21.742Pagamentos respeitantes a:

    Ativos fixos tangiveis e propriedades de investimento (32.086) (24.553) (14.475) (8.951) Ativos intangiveis (1.220) (511) (1.061) 29

    (33.306) (25.064) (15.536) (8.922)Fluxos das atividades de investimento (2) 12.356 112.248 20.954 12.820ATIVIDADES DE FINANCIAMENTO:Recebimentos provenientes de:

    Empréstimos obtidos 23 969.155 1.377.204 334.348 386.791Pagamentos respeitantes a:

    Empréstimos obtidos 23 (972.659) (1.477.186) (329.525) (381.131) Juros e custos similares (19.672) (19.290) (6.636) (7.242)

    (992.331) (1.496.476) (336.161) (388.373)Fluxos das atividades de financiamento (3) (23.176) (119.272) (1.813) (1.582)

    Variação de caixa e seus equivalentes (4)=(1)+(2)+(3) (21.008) 33.603 27.404 30.479Efeito das diferenças de câmbio (10.031) (32.630) (2.390) (6.929)Caixa e seus equivalentes no início do período 20 171.991 154.265 115.938 131.688Caixa e seus equivalentes no fim do período 20 140.952 155.238 140.952 155.238

    As notas anexas fazem parte integrante da demonstração dos fluxos de caixa do período findo em 30 de setembro de 2019.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    24

    TEIXEIRA DUARTE

    NOTAS ANEXAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS

    EM 30 DE SETEMBRO DE 2019

    (NÃO AUDITADO)

    1 - NOTA INTRODUTÓRIA

    A Teixeira Duarte, S.A. (“Empresa” ou “TD, SA") tem sede em Porto Salvo, foi constituída em 30 de novembro de 2009, com capital social de 210.000.000 euros, representado por 420.000.000 ações com o valor nominal de 0,5 euros (Nota 21), e tem como atividade principal a realização e gestão de investimentos, a coordenação e supervisão de outras sociedades integradas ou relacionadas com o seu Grupo empresarial.

    O universo empresarial da Teixeira Duarte ("Grupo") é formado pelas empresas participadas indicadas na Nota 4. As principais atividades do Grupo são as seguintes: Construção; Concessões e Serviços; Imobiliária; Hotelaria; Distribuição e Automóvel (Nota 7).

    Refira-se ainda o facto do Grupo ter reposicionado a Exploração do Puerto La Guaira na Venezuela, da Construção para as Concessões e Serviços, sendo que neste documento, as notas às demonstrações financeiras consolidadas do terceiro trimestre de 2018 foram – apenas em relação a estes setores – reclassificados para permitir o adequado nível de comparabilidade.

    Os valores indicados serão expressos em milhares de euros, salvo quando expressamente indicado.

    2 - BASES DE APRESENTAÇÃO

    As demonstrações financeiras consolidadas em 30 de setembro de 2019, foram preparadas utilizando políticas contabilísticas consistentes com as Normas Internacionais de Relato Financeiro (“IFRS”), tal como adotadas na União Europeia, efetivas para os períodos iniciados em 1 de janeiro de 2019 e em conformidade com a IAS 34 – Relato Financeiro Intercalar.

    3 - ALTERAÇÕES DE POLÍTICAS, ESTIMATIVAS E ERROS

    As políticas contabilísticas adotadas são consistentes com as utilizadas na preparação das demonstrações financeiras do exercício findo em 31 de dezembro de 2018, e descritas nas respetivas notas anexas, exceto no que respeita às normas e interpretações cuja data de eficácia corresponde aos exercícios iniciados em ou após 1 de janeiro de 2019, nomeadamente da aplicação pela primeira vez da IFRS 16 – Locações.

    A IFRS 16 estabelece um modelo global para a identificação de contratos de locação e para o seu tratamento nas demonstrações financeiras de locadores e locatários. A IFRS 16 substituiu a IAS 17 - Locações e respetivas Interpretações em 1 de janeiro de 2019.

    O Grupo optou pelo modelo de transição retrospetivo modificado da IFRS 16, pelo que, o Grupo não reexpressou a informação financeira comparativa, não se tendo verificado qualquer impacto nos capitais próprios do Grupo no momento da transição. Os impactos da aplicação da IFRS 16 estão apresentados na nota 27.

    As locações operacionais do Grupo dizem respeito principalmente a contratos de arrendamento de edifícios, lojas e armazéns e ainda aluguer de equipamentos e viaturas.

    No que respeita aos compromissos anteriores com locações financeiras, os valores contabilísticos dos ativos e passivos por locação em 31 de dezembro de 2018, foram assumidos como direito de uso e responsabilidades por locação, conforme a IFRS 16 a 1 de janeiro de 2019.

    Na aplicação inicial da IFRS 16, para todas as locações (exceto as abaixo referidas), o Grupo:

    a) reconheceu ativos de direitos de uso e passivos de locação na demonstração consolidada da posição financeira, inicialmente mensurados ao valor presente dos pagamentos futuros de cada locação;

    b) reconheceu depreciações de ativos de direitos de uso e gastos financeiros sobre passivos da locação na demonstração consolidada dos resultados ;

    c) separou o montante total pago entre capital e juros (apresentados como atividades de financiamento) na demonstração consolidada de fluxos de caixa.

    Para locações de curto prazo (prazo de 12 meses ou inferior) e locações de baixo valor (como computadores pessoais ou mobiliário de escritório), o Grupo irá optar por reconhecer um gasto de locação numa base linear como um gasto operacional, conforme permitido pela IFRS 16.

  • 25

    TEIXEIRA DUARTE

    4 - EMPRESAS INCLUÍDAS NO PERÍMETRO DE CONSOLIDAÇÃO

    Em 30 de setembro de 2019 foram incluídas na consolidação, pelo método integral, TEIXEIRA DUARTE, S.A. e as seguintes empresas controladas:

    Denominação social Sede % participação

    efetiva

    MERCADO INTERNO

    CONSTRUÇÃO

    CONSTRUSALAMONDE, ACE Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 92,50%

    EPOS - Empresa Portuguesa de Obras Subterrâneas, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    SOMAFEL - Engenharia e Obras Ferroviárias, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 67,74%

    TEIXEIRA DUARTE – Engenharia e Construções, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    DPLG - Desenvolvimento do Terminal Especializado de Contentores do Porto de La Guaira, Sociedade Unipessoal, Lda.

    Rua das Pretas, 4 - Fracção 4 D - Funchal 100,00%

    TDAP - Atividades Portuárias, S.A. Rua das Pretas, 4 - Fracção 4 D - Funchal 100,00%

    TDGI AÇORES - Unipessoal, Lda. Zona Industrial Chã do Rego d`Agua, Lote 39 - Cabouco, Ilha de São Miguel - Açores

    100,00%

    TDGI - Tecnologia de Gestão de Imóveis, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TDGI Manutenção, ACE Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    IMOBILIÁRIA

    Fundo de Investimento Imobiliário Fechado TDF Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    IMOPEDROUÇOS - Sociedade Imobiliária, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    IMOTD – Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    MALANGA – Investimentos Imobiliários, Unipessoal Lda. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    QUINTA DE CRAVEL - Imobiliária, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TD VIA - Sociedade Imobiliária, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 93,75%

    TEIXEIRA DUARTE - Gestão de Participações e Investimentos Imobiliários, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TRANSBRITAL - Britas e Empreendimentos Imobiliários, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    V8 - Gestão Imobiliária, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    26

    TEIXEIRA DUARTE

    HOTELARIA

    ESTA - Gestão de Hotéis, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    GO CORP TRAVEL SOLUTIONS – Agência de Viagens, S.A. Rua Encosta das Lagoas, nº 8 - Porto Salvo 100,00%

    LAGOASFUT - Equipamento Recreativo e Desportivo, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    LAGOAS HOTEL, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    SINERAMA - Organizações Turísticas e Hoteleiras, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TDH - Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TDHC - Instalações para Desporto e Saúde, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    DISTRIBUIÇÃO

    BONAPAPEL - Artigos de Papelaria e Equipamentos Informáticos - Unipessoal, Lda.

    Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TEDAL – Participações e Distribuição, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TEDAL II – Distribuição e Investimentos, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TEIXEIRA DUARTE – Distribuição, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    AUTOMÓVEL

    SMOTORS, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TDO - Investimento e Gestão, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TEDAL III – Automóveis e Investimentos, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TEDAL IV – Participações e Automóveis, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    OUTRAS

    C + P.A. - Cimento e Produtos Associados, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    TDO - Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

    Tedal - Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A. Edifício 2, Lagoas Park - Porto Salvo 100,00%

  • 27

    TEIXEIRA DUARTE

    MERCADO EXTERNO

    ÁFRICA DO SUL

    CONSTRUÇÃO

    Global Net Distributors (Pty) Ltd. 10 Ninth Avenue - Northmead, Gauteng 1501 100,00%

    ANGOLA

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    EDUCARE - Actividades Educativas e Culturais, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    TDGI - Tecnologia de Gestão de Imóveis, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 42,40%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    IMOBILIÁRIA

    AFRIMO - Empreendimentos Imobiliários, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 51,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    TEIXEIRA DUARTE - Engenharia e Construções (Angola), Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    HOTELARIA

    ALVALADE - Empreendimentos Turísticos e Hoteleiros, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    ANGOPREDIAL - Empreendimentos Imobiliários, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    HOTEL TRÓPICO, S.A. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 80,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    28

    TEIXEIRA DUARTE

    HOTEL BAÍA, Lda.

    Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy

    100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    DISTRIBUIÇÃO

    CND – Companhia Nacional de Distribuição, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    COM 1 - Comércio e Distribuição, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    DCG – Distribuição e Comércio Geral, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    IMO 1 - Empreendimentos Imobiliários, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    OCC – Operador Central de Comércio, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 80,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    AUTOMÓVEL

    AUTO 1 - Comércio Automóvel, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    Auto Competição Angola, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    AUTO 8, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    Comércio de Automóveis, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    TDA - Comércio e Indústria, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

  • 29

    TEIXEIRA DUARTE

    VAUCO - Automóveis e Equipamentos, Lda. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 100,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    OUTRAS

    Investipart – Participações e Investimentos, S.A. Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem, Loy 36,00%

    Bairro Morro Bento (Maxipark)

    Edifício Teixeira Duarte, nº 387

    Luanda

    ARGÉLIA

    CONSTRUÇÃO

    TEIXEIRA DUARTE ALGERIE, SPA 8 Roeute Ben Aknoun, Rés de Chanssée 99,94%

    El Biar - Alger

    BÉLGICA

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    TDGI, S.A. Avenue Jean-Monnet, 1, 1348 100,00%

    Louvain-La-Neuve – RPM Bruxelles

    BRASIL

    CONSTRUÇÃO

    EMPA, S.A. - Serviços de Engenharia Rua Paraíba, 1000, 12º andar - Parte 100,00%

    Bairro Savassi - Belo Horizonte

    SOMAFEL – Obras Ferroviárias e Marítimas, Ltda. Rua Iguatemi, n.º 448, 6.º andar 67,74%

    conjuntos 602, 604, 606, 608 e 610

    Bairro Itaim Bibi, São Paulo

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    GONGOJI Montante Energia, S.A. Rua Paraíba, 1000, 12º andar - Parte 100,00%

    Bairro Savassi - Belo Horizonte

    PAREDÃO de Minas Energia, S.A. Rua Paraíba, 1000, 12º andar - Parte 100,00%

    Bairro Savassi - Belo Horizonte

    TABOQUINHA Energia, S.A. Rua Paraíba, 1000, 12º andar - Parte 100,00%

    Bairro Savassi - Belo Horizonte

    TDGI FACILITIES E MANUTENCAO DE INSTALACOES LTDA. Rua Iguatemi, n.º 448, 6.º andar 100,00%

    Conjunto 602, sala 18

    Bairro Itaim Bibi, São Paulo

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    30

    TEIXEIRA DUARTE

    IMOBILIÁRIA

    TDPG - Empreendimentos Imobiliários e Hoteleiros, Ltda. Rua Irene Ramos Gomes de Matteo, nº 97 - Casa 097 100,00%

    Pina - Recife

    TDSP - Participações, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 01

    Itaim Bibi - São Paulo TDSP - Elisa de Moraes Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda.

    Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 90,00%

    Conjunto 1001, sala 02

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP - Bela Vista Empreendimentos Imobiliários, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 06

    Itaim Bibi - São Paulo TDSP - Galeno de Castro Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda.

    Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 03

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Maratona Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 08

    Itaim Bibi - São Paulo TDSP - Direitos Humanos Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda.

    Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 4

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Alta Vista I Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 19

    Itaim Bibi - São Paulo TDSP – Verum Mooca Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 18

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Gilberto Sabino Empreendimentos Imobiliários, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 05

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Alta Vista II Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 20

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Gualaxos Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 07

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Alta Vista III Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 6º andar 92,65%

    Conjunto 602

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Zanzibar Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,50%

    Conjunto 1001, sala 09

    Itaim Bibi - São Paulo TDSP – Dionísio da Costa Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,50%

    Conjunto 1001, sala 10

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Baceunas Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 11

    Itaim Bibi - São Paulo

  • 31

    TEIXEIRA DUARTE

    TDSP – Maria de Jesus Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda.

    Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar

    95,00%

    Conjunto 1001, sala 12

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Volta Redonda Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda.

    Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 95,00%

    Conjunto 1001, sala 13

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Nilo Empreendimentos Imobiliários, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 14

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – Alta Vista IV Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 92,65%

    Conjunto 1001, sala 15

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – 16 Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 16

    Itaim Bibi - São Paulo TDSP – Carolina Ribeiro - Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda.

    Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 95,00%

    Conjunto 1001, sala 17

    Itaim Bibi - São Paulo

    TDSP – 18 Empreendimentos Imobiliários SPE, Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 10º andar 100,00%

    Conjunto 1001, sala 23

    Itaim Bibi - São Paulo

    OUTRAS

    EMES – Participações , Ltda. Rua Iguatemi, nº 448, 6º andar 100,00%

    Conjunto 602, sala 21

    Itaim Bibi - São Paulo

    COLOMBIA

    CONSTRUÇÃO

    TEIXEIRA DUARTE – Engenharia e Construções (Colômbia) S.A.S. Carrera 11 nº 94 – 02 oficina 201 100,00%

    Centro empresarial Manhattan, Bogotá

    CHIPRE

    OUTRAS

    LEVENEL, Limited Irakli, 2, Egkomi, 2413 100,00%

    Nicósia

    ESPANHA

    CONSTRUÇÃO

    UTE DE VIANA Av. Alberto Alcocer, 24 - 7º 100,00%

    Madrid

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    32

    TEIXEIRA DUARTE

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    RECOLTE, Servicios Y Medioambiente, S.A. Sociedade Unipersonal.

    Av. Alberto Alcocer, 24 - 7º 100,00%

    Madrid

    TDGI - Mantenimiento y Servicios Integrales, S.L. Av. Alberto Alcocer, 24 - 7º 100,00%

    Madrid

    EQUADOR

    CONSTRUÇÃO

    CONSORCIO PUENTE DAULE - GUAYAQUIL II Av. Francisco de Orellana, Kilometro uno e medio (1,5) 61,00%

    y Juan Tanca Marengo, Edificio Cofin, piso seis (6)

    Guayaquil, Equador

    ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

    CONSTRUÇÃO

    TEIXEIRA DUARTE CONSTRUCTION SERVICES, LLC 1030 Salem Road 100,00%

    Union, NJ 07083

    IMOBILIÁRIA

    TDRE INVESTMENTS, LLC. 4100 Spring Valley Road, Suit 310, Dallas 100,00%

    Texas 75244

    TDRE LEE PARK, LLC. 4100 Spring Valley Road, Suit 310, Dallas 100,00%

    Texas 75244

    TDRE HOOD, LLC. 4100 Spring Valley Road, Suit 300, Dallas 100,00%

    Texas 75244

    MACAU

    CONSTRUÇÃO

    TEIXEIRA DUARTE - Engenharia e Construções (Macau), Lda. Av. Dr. Mário Soares, nº 25 100,00%

    Edifício Montepio Apr. 26 e 28 – 3º andar

    Macau

    MOÇAMBIQUE

    CONSTRUÇÃO

    TEIXEIRA DUARTE - Engenharia e Construções (Moçambique), Lda.

    Av. Július Nyerere, nº 130 74,46%

    Maputo

    CONCESSÕES E SERVIÇOS

    TDGI - Tecnologia de Gestão de Imóveis, Lda. Av. Július Nyerere, nº 130 69,55%

    Maputo

  • 33

    TEIXEIRA DUARTE

    IMOBILIÁRIA

    IMOPAR - Centro Comercial de Maputo, S.A. Av. Július Nyerere, nº 130 100,00%

    Maputo

    MALANGA - Empreendimentos Imobiliários, S.A. Av. Július Nyerere, nº 4 - R/C 74,71%

    Maputo

    HOTELARIA

    AVENIDA - Empreendimentos Turísticos e Hoteleiros, Lda. Av. Július Nyerere, nº 627 100,00%

    Maputo

    Sociedade Hotel Tivoli, Lda. Av. 25 de Setembro, 1321 65,00%

    Maputo

    TIVOLI BEIRA - Hotelaria e Serviços, Lda. Av. Július Nyerere, nº 130 100,00%

    Maputo

    PERÚ

    CONSTRUÇÃO

    TEIXEIRA DUARTE PERÚ – Ingeniería y Construcciones, Sociedad Anonima Cerrada

    Avenida Arenales, nº 773 100,00%

    Lima

    VENEZUELA

    CONSTRUÇÃO

    Consorcio Boyacá – La Guaira Av. San Juan Bosco, 57,20%

    Edifício Centra Altamira

    Piso 5, Oficina 54, Urb. Altamira

    Caracas

    TEGAVEN – Teixeira Duarte y Av. Venezuela del Rosal con Calle 100,00%

    Asociados, C.A. Mohedano, Torre JWM

    Piso 5, Of. 5-2, Urb El Rosal - Caracas

    5 - ALTERAÇÕES NO PERÍMETRO DE CONSOLIDAÇÃO

    Durante o período findo em 30 de setembro de 2019, verificaram-se as seguintes alterações face ao perímetro de consolidação em 31 de dezembro de 2018:

    • Alienação da MMK Cement, Limited Liability Company;

    • Alienação de 50% da TDE – Empreendimentos Imobiliários, S.A.;

    • Dissolução da TDD – Distribuição Brasil, Ltda.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    34

    TEIXEIRA DUARTE

    6 - COTAÇÕES

    As cotações utilizadas para converter para euros os ativos e passivos expressos em moeda estrangeira em 30 de setembro de 2019 e 31 de dezembro de 2018, bem como os resultados das operações desenvolvidas em países com moeda funcional distinta do Euro, nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, foram as seguintes:

    30/09/2019 31/12/2018 Var 30/09/2019 30/09/2018 Var

    Dólar Americano 1,0889 1,1450 (4,9%) 1,1241 1,1932 (5,8%)

    Pataca Macaense 8,7929 9,2365 (4,8%) 9,0759 9,6316 (5,8%)

    Metical Moçambicano 66,8600 70,2400 (4,8%) 69,5680 71,7760 (3,1%)

    Bolivar Venezuelano 23.305,4109 813,5683 - 23.305,4109 12,2473 -

    Kwanza Angolano 401,5286 353,0155 13,7% 371,3070 277,3888 33,9%

    Dinar Argelino 131,1471 135,5660 (3,3%) 133,8518 138,3363 (3,2%)

    Dirham dos Emirados 3,9992 4,2058 (4,9%) 4,1288 4,3851 (5,8%)

    Dirham Marroquino 10,6106 10,9560 (3,2%) 10,8234 11,1602 (3,0%)

    Real Brasileiro 4,5288 4,4440 1,9% 4,3840 4,2851 2,3%

    Escudo Cabo Verde 110,2650 110,2650 - 110,2650 110,2650 -

    Rublo Russo 70,7557 79,7153 (11,2%) 73,4459 72,9057 0,7%

    Dinar Tunisino 3,1174 3,4485 (9,6%) 3,3281 3,0502 9,1%

    Rand Africa do Sul 16,5576 16,4594 0,6% 16,1692 15,3237 5,5%

    Novo Sol Peruano 3,6685 3,8667 (5,1%) 3,7511 3,8929 (3,6%)

    Peso Colombiano 3.785,8300 3.718,3900 1,8% 3.666,2390 3.462,6220 5,9%

    Câmbio de fecho Câmbio médioDivisa

    7 – INFORMAÇÃO POR SEGMENTOS

    O Grupo encontra-se organizado de acordo com os seguintes segmentos de negócio:

    • Construção; • Concessões e Serviços; • Imobiliária; • Hotelaria; • Distribuição; • Automóvel.

    As vendas e prestações de serviços e os resultados de cada um dos segmentos operacionais acima mencionados, nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, foram como segue:

    Clientes externos

    Intersegmental TotalClientes externos

    Intersegmental Total3º Trim. 19 3º Trim. 18

    Construção (*) 390.269 13.544 403.813 359.122 13.976 373.098 28.006 20.867

    Concessões e serviços (*) 94.864 8.279 103.143 80.996 10.667 91.663 3.803 9.270

    Imobiliária 15.078 5.494 20.572 53.424 9.053 62.477 42.226 37.277

    Hotelaria 31.167 316 31.483 28.633 437 29.070 5.983 5.465

    Distribuição 96.166 364 96.530 90.767 987 91.754 511 1.347

    Automóvel 24.694 1.429 26.123 22.571 2.734 25.305 4.167 7.865

    Não afetos a segmentos - - - - - - (3.158) (7.474)

    Eliminações - (29.426) (29.426) - (37.854) (37.854) (156) (2)

    652.238 - 652.238 635.513 - 635.513 81.382 74.615

    Custos e perdas financeiros (Nota 9) (92.270) (131.537)

    Proveitos e ganhos financeiros (Nota 9) 27.815 73.166

    Resultados relativos a atividades de investimento (Nota 9) 1.299 1.371

    Resultados antes de impostos 18.226 17.615

    3º Trim. 19 3º Trim. 18

    Segmento Vendas e prestações de serviços

    Resultados operacionais

    (*) – Valores reclassificados conforme explicação da nota introdutória.

    As transações intersegmentais são efetuadas em condições e termos de mercado, equiparáveis às transações efetuadas com

    entidades terceiras.

  • 35

    TEIXEIRA DUARTE

    Outras informações:

    3º Trim. 19 3º Trim. 18 3º Trim. 19 3º Trim. 18 3º Trim. 19 3º Trim. 18

    Construção (*) 25.492 10.540 18.041 18.045 23.280 3.775

    Concessões e serviços (*) 1.936 2.569 3.162 3.426 3.011 (13)

    Imobiliária 11.970 5.408 4.978 1.519 (3.647) (51)

    Hotelaria 1.469 4.126 5.590 3.066 48 -

    Distribuição 1.229 6.774 5.741 4.192 - -

    Automóvel 331 94 4.556 1.450 - (62)

    Não afetos a segmentos 44 190 157 163 - -

    42.471 29.701 42.225 31.861 22.692 3.649

    Dispêndios de capital fixo

    Amortizações e depreciações em

    resultados

    Provisões e perdas por imparidadeSegmento

    (*) – Valores reclassificados conforme explicação da nota introdutória.

    O ativo e passivo dos segmentos e a respetiva reconciliação com o total consolidado, em 30 de setembro de 2019 e 31 de dezembro de 2018, são como segue:

    Segmento

    Investimentos em associadas e

    empreendimentos conjuntos (Nota 15)

    Ativos financeiros ao justo valor

    através de outro rendimento

    integral (Nota 16)

    Outros ativos

    Total

    Investimentos em associadas e

    empreendimentos conjuntos (Nota 15)

    Ativos financeiros ao justo valor

    através de outro rendimento

    integral (Nota 16)

    Outros ativos

    Total 30/09/2019 31/12/2018

    Construção 2.018 622 1.966.180 1.968.820 2.134 12.978 1.850.492 1.865.604 1.045.191 975.325

    Concessões e serviços 1.982 93 119.579 121.654 1.249 76 117.939 119.264 48.631 43.351

    Imobiliária 4.033 1.129 1.204.758 1.209.920 75 1.285 1.124.972 1.126.332 511.443 457.749

    Hotelaria - 16 213.393 213.409 - 12 234.698 234.710 63.858 71.653

    Distribuição - 13 225.692 225.705 - 10 248.399 248.409 136.422 145.517

    Automóvel - 9 206.321 206.330 24 7 207.273 207.304 86.617 88.905

    Não afetos a segmentos 14.091 13.892 970.520 998.503 13.339 2.562 896.707 912.608 834.793 841.532

    Eliminações - - (3.034.321) (3.034.321) - - (2.856.531) (2.856.531) (1.174.846) (1.169.692)

    22.124 15.774 1.872.122 1.910.020 16.821 16.930 1.823.949 1.857.700 1.552.109 1.454.340

    Ativos30/09/2019 31/12/2018 Passivos

    As vendas e prestações de serviços e a informação acerca de ativos não correntes não monetários, por segmento geográfico apresentam a seguinte composição nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018 e em 30 de setembro de 2019 e 31 de dezembro de 2018, respetivamente:

    Segmento geográfico 3º Trim. 19 3º Trim. 18 30/09/2019 31/12/2018

    Portugal 160.605 161.376 249.745 196.576

    Angola 178.634 210.144 455.140 536.284

    Argélia 79.755 92.955 17.003 20.451

    Brasil 131.288 99.140 24.241 16.529

    Espanha 28.298 26.861 17.654 17.528

    Moçambique 21.886 23.072 32.777 31.818

    Venezuela 15.641 11.218 194 1.014

    Outros 36.131 10.747 4.132 3.807

    652.238 635.513 800.886 824.007

    Ativos não correntes não monetários

    Vendas e prestações de serviços

    Os ativos não correntes não monetários, incluem goodwill, ativos intangíveis, ativos fixos tangíveis, propriedades de investimento e direito de uso.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    36

    TEIXEIRA DUARTE

    8 - PROVEITOS OPERACIONAIS

    Nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, os proveitos operacionais foram como segue:

    3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    Vendas e prestações de serviços:

    Vendas 327.962 355.360 91.847 109.935

    Prestações de serviços 324.276 280.153 120.382 97.173

    652.238 635.513 212.229 207.108

    Outros proveitos operacionais:

    Diferenças de câmbio 43.552 14.721 23.841 (2.498)

    Variação justo valor de propriedades de investimento a) 27.542 16.856 7.246 249

    Alienação de ativos b) 25.262 27.301 22.628 1.373

    Proveitos suplementares 7.661 6.092 3.234 3.213

    Reversão de perdas por imparidade em contas a receber 3.412 1.725 2.589 1.618

    Trabalhos para a própria empresa c) 1.917 1.987 589 752

    Reversão de perdas por imparidade em inventários 96 143 33 (4)

    Outros proveitos operacionais 1.885 2.940 1.295 814

    111.327 71.765 61.455 5.517

    763.565 707.278 273.684 212.625

    a) No período findo em 30 de setembro de 2019, a variação do justo valor das propriedades de investimento resulta da valorização das Propriedades de Investimento em Portugal.

    b) No período findo em 30 de setembro de 2019, os ganhos indicados foram obtidos com a alienação de ativos fixos tangíveis em 2.979 milhares de euros (2.403 milhares de euros no período findo em 30 de setembro de 2018).

    No período findo em 30 setembro de 2019, o Grupo alineou 50% da participada “TDE – Empreendimentos Imobiliários, S.A., tendo registado uma mais-valia de 22.196 milhares de euros e ainda alineou a participada “MMK Cement, Limited Liability Company”, tendo registado uma mais-valia de 87 milhares de euros, enquanto que, no período findo em 30 de setembro de 2018, o Grupo alineou a participada “Lagoas Park”, tendo registado uma mais-valia de 24.898 milhares de euros.

    c) Os trabalhos para a própria empresa correspondem essencialmente a beneficiação de equipamentos.

  • 37

    TEIXEIRA DUARTE

    9 - RESULTADOS FINANCEIROS

    Os resultados financeiros dos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, foram os seguintes:

    3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    Custos e perdas financeiros:

    Juros suportados (17.577) (20.945) (6.660) (7.166)

    Diferenças de câmbio desfavoráveis (54.214) (95.798) (16.024) (32.219)

    Outros custos e perdas financeiros (20.479) (14.794) (7.205) (5.516)

    (92.270) (131.537) (29.889) (44.901)

    Proveitos e ganhos financeiros:

    Juros obtidos 2.718 4.776 648 2.198

    Diferenças de câmbio favoráveis 19.089 35.507 2.165 10.505

    Posição monetária líquida a) 2.490 32.373 (2.362) 12.631

    Outros proveitos e ganhos financeiros 3.518 510 1.660 176

    27.815 73.166 2.111 25.510

    Resultados relativos a atividades de investimento:

    Resultados relativos a empresas associadas e empreendimentos conjuntos b) 726 746 117 260

    Dividendos c) 628 824 4 -

    Outros investimentos d) (55) (199) (23) (236)

    1.299 1.371 98 24

    Resultados financeiros (63.156) (57.000) (27.680) (19.367)

    a) O valor apresentado corresponde ao ganho originado na aplicação da IAS 29 às empresas sediadas em Angola e Venezuela. b) Os resultados relativos a empresas associadas e empreendimentos conjuntos dos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, incluem o efeito da aplicação do método da equivalência patrimonial a estes investimentos (Nota 15).

    c) Em 30 de setembro de 2019 e de 2018, os valores apresentados correspondem a dividendos recebidos de Ativos financeiros.

    d) Em 30 de setembro de 2019 e de 2018, na rubrica “Outros Investimentos” estão contabilizados ganhos e perdas na alienação de Ativos financeiros.

    As diferenças de câmbio líquidas, registadas nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018 devem-se a pagamentos e recebimentos, bem como a atualizações cambiais em saldos, registados por base em moedas diferentes do Euro.

    10 - IMPOSTO SOBRE O RENDIMENTO

    A “TD, SA” é a sociedade dominante de um grupo de sociedades tributado segundo o Regime Especial de Tributação dos Grupos de Sociedades (RETGS), que abrange todas as sociedades em que participa, direta ou indiretamente, em pelo menos 75% do respetivo capital social, desde que tal participação lhe confira mais de 50% dos direitos de voto e que, simultaneamente, tenham sede e direção efetiva em Portugal e sejam tributadas pelo regime geral do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Coletivas (“IRC”).

    As restantes empresas participadas, não abrangidas pelo RETGS, são tributadas individualmente, com base nas respetivas matérias coletáveis e às taxas de IRC, Derrama Municipal e Derrama Estadual aplicáveis.

    A “TD, SA” e a generalidade das suas participadas sedeadas em Portugal encontram-se sujeitas a IRC, à taxa de 21%, incidente sobre a matéria coletável. As entidades que apuram lucro tributável ficam ainda sujeitas a Derrama Municipal, cuja taxa poderá variar até ao máximo de 1,5%, bem como a Derrama Estadual, incidente sobre a parte do lucro tributável que exceda o montante de 1.500, 7.500 e 35.000 milhares de euros, às taxas de 3%, 5% e 9%, respetivamente.

    As referidas entidades estão ainda sujeitas a tributação autónoma, às taxas e sobre as despesas, encargos e gastos previstos no artigo 88.º do Código do IRC.

    No processo de apuramento do resultado tributável, são adicionados e subtraídos ao resultado contabilístico, montantes que não concorrem fiscalmente. Estas diferenças entre resultado contabilístico e fiscal podem ser de natureza temporária ou permanente.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    38

    TEIXEIRA DUARTE

    De acordo com a legislação em vigor em Portugal, os prejuízos fiscais são reportáveis durante um período de 5 (cinco) anos para os gerados no período de tributação de 2018 em diante, sendo suscetíveis de dedução aos lucros tributáveis apurados aposteriori, estando tal dedução limitada a 70% do lucro tributável apurado no período de tributação em que se realize.

    De acordo com a legislação em vigor, as declarações fiscais em Portugal são passíveis de revisão e correção por parte das autoridades fiscais durante um período de quatro anos, exceto quando tenha havido dedução de prejuízos fiscais, ou estejam em curso inspeções, reclamações ou impugnações, casos em que, dependendo das circunstâncias, aquele prazo pode ser alargado ou suspenso.

    Relativamente a entidades com presença noutros países, o prazo de revisão das suas declarações fiscais varia entre os três e os cinco anos.

    O Conselho de Administração entende que eventuais correções resultantes de revisões/inspeções fiscais àquelas declarações não terão um efeito significativo nas demonstrações financeiras consolidadas reportadas a 30 de setembro de 2019.

    O Grupo procede ao registo de impostos diferidos correspondentes às diferenças temporárias entre o valor contabilístico dos ativos e passivos e a correspondente base fiscal, conforme disposto na IAS 12 - Imposto sobre o rendimento (Nota 18).

    Os impostos sobre o rendimento reconhecidos nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, são como segue:

    3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    Imposto corrente:

    Imposto sobre o rendimento em Portugal (7.609) (6.037) (1.026) 2.220

    Imposto sobre o rendimento em outras jurisdições (15.149) (11.533) (9.556) (1.486)

    Imposto corrente (22.758) (17.570) (10.582) 734

    Imposto diferido (Nota 18): 22.245 5.696 13.381 1.332

    (513) (11.874) 2.799 2.066

    Para além dos montantes de impostos diferidos registados diretamente na demonstração dos resultados, foram registados diretamente nos capitais próprios impostos diferidos no montante de 58 milhares de euros em 30 de setembro de 2019 (9 milhares de euros em 30 de setembro de 2018) (Nota 18).

  • 39

    TEIXEIRA DUARTE

    11 - RESULTADOS POR AÇÃO

    O resultado por ação nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, foi calculado tendo em consideração os seguintes montantes:

    3º Trim. 19 3º Trim. 18 Jul-Set 19 Jul-Set 18

    Resultado para efeito de cálculo do resultado líquido por ação básico (resultado líquido do período) 20.051 7.094 7.766 (10.276)

    Número médio ponderado de ações para efeito de cálculo do resultado líquido por ação básico (milhares) 420.000 420.000 420.000 420.000

    Resultado líquido por ação básico 0,05 0,02 0,02 (0,02)

    Pelo facto de nos períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018 não existirem efeitos diluidores do resultado por ação, o resultado diluído por ação é igual ao resultado básico por ação.

    12 - DIVIDENDOS

    Na Assembleia Geral de Acionistas realizada em 27 de maio de 2019 não foi deliberada qualquer distribuição de dividendos.

  • RELATÓRIO INTERCALAR | 3º TRIMESTRE 2019

    40

    TEIXEIRA DUARTE

    13 - ATIVOS FIXOS TANGÍVEIS

    Durante os períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, os movimentos ocorridos nos ativos fixos tangíveis, bem como nas respetivas depreciações e perdas por imparidade acumuladas, foram os seguintes:

    Terr

    enos

    Edifí

    cios

    eO

    utro

    s At

    ivos

    fixo

    sAd

    iant

    amen

    tos

    e re

    curs

    osou

    tras

    Equi

    pam

    ento

    Equi

    pam

    ento

    Ferr

    amen

    tas

    Equi

    pam

    ento

    ativ

    os fi

    xos

    tang

    ívei

    spo

    r con

    ta a

    tivos

    natu

    rais

    cons

    truçõ

    esbá

    sico

    de tr

    ansp

    orte

    e ut

    ensí

    lios

    adm

    inis

    trativ

    ota

    ngív

    eis

    em c

    urso

    fixos

    tang

    ívei

    sTo

    tal

    Ativ

    o br

    uto:

    Sald

    o em

    31

    de d

    ezem

    bro

    de 2

    017

    30.9

    3944

    5.29

    936

    0.89

    878

    .659

    41.9

    9034

    .340

    10.9

    377.

    297

    143

    1.01

    0.50

    2

    Impa

    cto

    da a

    plica

    ção

    da IA

    S 29

    - Hi

    perin

    flaçã

    o em

    1 d

    e ja

    neiro

    de

    2018

    2.56

    287

    .572

    23.9

    578.

    395

    136

    4.77

    91.

    197

    1.07

    138

    129.

    707

    Impa

    cto

    da a

    plica

    ção

    da IA

    S 29

    - Hi

    perin

    flaçã

    o88

    436

    .681

    8.51

    52.

    778

    591.

    746

    557

    3.25

    913

    54.4

    92

    Ajus

    tam

    ento

    s de

    con

    vers

    ão c

    ambi

    al (5

    .991

    ) (2

    10.0

    06)

    (45.

    889)

    (15.

    612)

    (1.9

    16)

    (9.6

    92)

    (2.6

    53)

    (2.3

    30)

    (83)

    (294

    .172

    )

    Adiçõ

    es -

    736

    7.62

    73.

    675

    2.10

    762

    146

    710

    .172

    - 25

    .405

    Tran

    sfer

    ência

    s e

    abat

    es (5

    .377

    )61

    (3.3

    02)

    (142

    ) (7

    97)

    (159

    )31

    5 (3

    .218

    ) -

    (12.

    619)

    Alie

    naçõ

    es -

    (2.1

    87)

    (4.5

    84)

    (2.5

    75)

    (218

    ) (7

    00)

    (293

    ) -

    - (1

    0.55

    7)

    Sald

    o em

    30

    de s

    etem

    bro

    de 2

    018

    23.0

    1735

    8.15

    634

    7.22

    275

    .178

    41.3

    6130

    .935

    10.5

    2716

    .251

    111

    902.

    758

    Sald

    o em

    31

    de d

    ezem

    bro

    de 2

    018

    27.1

    5782

    8.20

    834

    8.53

    973

    .198

    41.2

    2730

    .535

    11.1

    838.

    972

    112

    1.36

    9.13

    1

    Impa

    cto

    da a

    plica

    ção

    da IA

    S 29

    - Hi

    perin

    flaçã

    o1.

    233

    4.97

    37.

    265

    2.08

    451

    1.86

    257

    372

    7 -

    18.7

    68

    Ajus

    tam

    ento

    s de

    con

    vers

    ão c

    ambi

    al (3

    .117

    ) (9

    7.74

    0) (9

    .273

    ) (4

    .962

    ) (3

    83)

    (1.6

    65)

    (103

    ) (1

    .171

    ) (1

    3) (1

    18.4

    27)

    Adiçõ

    es -

    428

    17.5

    866.

    609

    2.00

    11.

    006

    205

    3.12

    1 -

    30.9

    56

    Tran

    sfer

    ência

    s e

    abat

    es99

    638

    81.

    151

    (266

    ) (5

    5) (1

    91)

    (285

    ) (1

    .185

    ) -

    553

    Alie

    naçõ

    es (4

    .605

    ) (3

    03)

    (11.

    494)

    (2.9

    26)

    (1.6

    43)

    (135

    ) (9

    ) -

    - (2

    1.11

    5)

    Sald

    o em

    30

    de s

    etem

    bro

    de 2

    019

    21.6

    6473

    5.95

    435

    3.77

    473

    .737

    41.1

    9831

    .412

    11.5

    6410

    .464

    991.

    279.

    866

    Depr

    ecia

    ções

    e p

    erda

    s po

    r

    impa

    ridad

    e ac

    umul

    adas

    :

    Sald

    o em

    31

    de d

    ezem

    bro

    de 2

    017

    164

    163.

    951

    300.

    807

    67.8

    7034

    .050

    30.1

    406.

    943

    - -

    603.

    925

    Impa

    cto

    da a

    plica

    ção

    da IA

    S 29

    - Hi

    perin

    flaçã

    o em

    1 d

    e ja

    neiro

    de

    2018

    - 25

    .111

    19.7

    557.

    736

    112

    4.16

    364

    9 -

    - 57

    .526

    Impa

    cto

    da a

    plica

    ção

    da IA

    S 29

    - Hi

    perin

    flaçã

    o -

    15.3

    147.

    484

    2.44

    449

    1.59

    533

    0 -

    - 27

    .216

    Efei

    to d

    e co

    nver

    são

    cam

    bial

    - (6

    1.52

    0) (3

    5.34

    2) (1

    5.33

    6)12

    2 (8

    .504

    ) (1

    .491

    ) -

    - (1

    22.0

    71)

    Refo

    rços

    -

    8.58

    514

    .458

    2.77

    32.

    201

    976

    593

    - -

    29.5

    86

    Tran

    sfer

    ência

    s e

    abat

    es -

    (183

    ) (3

    .885

    ) (1

    38)

    (967

    ) (1

    44)

    (3)

    - -

    (5.3

    20)

    Alie

    naçõ

    es -

    (1.0

    76)

    (3.9

    15)

    (2.4

    65)

    (138

    ) (5

    83)

    (255

    ) -

    - (8

    .432

    )

    Sald

    o em

    30

    de s

    etem

    bro

    de 2

    018

    164

    150.

    182

    299.

    362

    62.8

    8435

    .429

    27.6

    436.

    766

    - -

    582.

    430

    Sald

    o em

    31

    de d

    ezem

    bro

    de 2

    018

    164

    389.

    169

    298.

    546

    60.0

    2135

    .118

    27.1

    836.

    298

    - -

    816.

    499

    Impa

    cto

    da a

    plica

    ção

    da IA

    S 29

    - Hi

    perin

    flaçã

    o -

    5.72

    76.

    497

    1.31

    348

    1.54

    240

    0 -

    - 15

    .527

    Efei

    to d

    e co

    nver

    são

    cam

    bial

    - (3

    9.10

    8) (4

    .778

    ) (4

    .492

    )62

    (1.3

    81)

    (678

    ) -

    - (5

    0.37

    5)

    Refo

    rços

    -

    19.2

    9414

    .490

    2.74

    61.

    990

    916

    534

    - -

    39.9

    70

    Tran

    sfer

    ência

    s e

    abat

    es -

    (12)

    (197

    ) (2

    66)

    - (2

    1) -

    - -

    (496

    )

    Alie

    naçõ

    es (1

    64)

    (207

    ) (9

    .610

    ) (2

    .132

    ) (9

    29)

    (275

    ) (4

    ) -

    - (1

    3.32

    1)

    Sald

    o em

    30

    de s

    etem

    bro

    de 2

    019

    - 37

    4.86

    330

    4.94

    857

    .190

    36.2

    8927

    .964

    6.55

    0 -

    - 80

    7.80

    4

    Valo

    r líq

    uido

    :

    Em 3

    0 de

    set

    embr

    o de

    201

    822

    .853

    207.

    974

    47.8

    6012

    .294

    5.93

    23.

    292

    3.76

    116

    .251

    111

    320.

    328

    Em 3

    0 de

    set

    embr

    o de

    201

    921

    .664

    361.

    091

    48.8

    2616

    .547

    4.90

    93.

    448

    5.01

    410

    .464

    9947

    2.06

    2

  • 41

    TEIXEIRA DUARTE

    As adições de ativos fixos tangíveis realizadas no período findo em 30 de setembro de 2019 respeitam, essencialmente, a investimentos realizados em instalações e equipamentos.

    14 - PROPRIEDADES DE INVESTIMENTO

    Durante os períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, o movimento ocorrido nas propriedades de investimento foi o seguinte:

    2019 2018

    Saldo em 1 de janeiro 194.091 217.647

    Ajustamentos de conversão cambial (10.072) (54.285)

    Aumentos / (alienações) 8.598 3.555

    Variação no justo valor 10.294 10.575

    Transferências de / para ativos fixos tangíveis (4.588) 34

    Saldo em 30 de setembro 198.323 177.526

    Durante os períodos findos em 30 de setembro de 2019 e de 2018, a variação de justo valor das propriedades de investimento por geografia foi a seguinte:

    3º Trim. 19 3º