ENADE. SINAES - ENADE O QUE ‰ ? ‰ um dos procedimentos de avalia§£o do SINAES ( Sistema Nacional de Avalia§£o da Educa§£o Superior )

  • View
    103

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of ENADE. SINAES - ENADE O QUE ‰ ? ‰ um dos procedimentos de avalia§£o do...

  • Slide 1
  • ENADE
  • Slide 2
  • SINAES - ENADE
  • Slide 3
  • O QUE ? um dos procedimentos de avaliao do SINAES ( Sistema Nacional de Avaliao da Educao Superior )
  • Slide 4
  • SINAES AVALIAO INSTITUCIONAL AVALIAO DE CURSO AVALIAO DO ESTUDANTE AUTO-AVALIAO AVALIAO EXTERNA in loco PELOS PARES AVALIAO in loco PELOS ESTUDANTES ATRAVS DO ADES PELOS COORDENADORES ATRAVS DO QC PROFESSORES DO CURSO E CPA EXAME NACIONAL DE DESEMPENHO DOS ESTUDANTES (ENADE)
  • Slide 5
  • OBJETIVOS DO SINAES Avaliao de curso articulada avaliao institucional. Avaliao da formao acadmica e profissional entendida como uma atividade estruturada que permite a apreenso da qualidade do curso no contexto da realidade institucional.
  • Slide 6
  • OBJETIVOS DO ENADE VERIFICAR: Habilidades acadmicas e competncias profissionais bsicas das reas; Conhecimento sobre contedos bsicos e profissionalizantes; Questes transdisciplinares.
  • Slide 7
  • FUNDAMENTOS DO ENADE DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PROJETO POLTICO PEDAGGICO DO CURSO ENADE FORMAO GERAL ENADE COMPONENTE ESPCFICO
  • Slide 8
  • O ENADE realizado por amostragem, e a participao no Exame constar no histrico escolar do estudante ou, quando for o caso, sua dispensa pelo MEC. O Inep/MEC seleciona a amostra dos participantes a partir da inscrio, na prpria instituio de ensino superior, dos alunos habilitados a fazer a prova. COMO REALIZADO
  • Slide 9
  • LEGISLAO ESPECFICA Lei N o 10.861 de 14 de abril de 2004 (Criao do Sistema Nacional de Avaliao do Ensino Superior - SINAES ) Portaria n 2.051, de 9 de julho de 2004 (Regulamentao do SINAES) Portaria n 107, de 22 de julho de 2004 (Regulamentao do Enade) Portaria N o 556 de 25/02/2005 (regulamenta o ENADE e define os padres mnimos para o Exame) Diretrizes do ENADE 2005: http://www.inep.gov.br http://www.inep.gov.br Diretrizes Curriculares (podem ser consultadas no site http://portal.mec.gov.br); http://portal.mec.gov.br Portaria Normativa n 1, de 29 de janeiro de 2009 (determina cursos e reas que sero avaliados em 2009)
  • Slide 10
  • O ENADE OBRIGATRIO ? componente curricular obrigatria dos cursos de graduao, conforme artigo. 5 0, pargrafo 5 0, da Lei no 10.861 de 14 de abril de 2004, sendo o registro de participao condio indispensvel para a emisso do histrico escolar, independentemente de o estudante ter sido selecionado ou no no processo de amostragem do Inep.
  • Slide 11
  • ESTUDANTES
  • Slide 12
  • QUEM INSCREVE O ESTUDANTE PARA O ENADE ? A Inscrio de todo estudante habilitado ao ENADE de responsabilidade da Instituio de Educao Superior conforme artigo 5 o, pargrafo 6 o, da Lei 10.861 de 14 de abril de 2004, que envia ao Inep o cadastro dos ingressantes e concluintes e depois divulga a lista dos inscritos a todo o Corpo Discente
  • Slide 13
  • Quem est habilitado a fazer o ENADE ? INGRESSANTES Qualquer estudante que, at o dia 1 o de agosto de 2009, tiver cumprido entre 7% e 22% da grade curricular mnima do curso, independentemente do perodo letivo que estiver cursando. CONCLUINTES Qualquer estudante que, at o dia 1 o de agosto de 2009, tiver Cumprido pelo menos 80% da grade curricular mnima do curso independentemente do perodo letivo que estiver cursando e o aluno que possa concluiro curso durante o ano letivo de 2009.
  • Slide 14
  • O QUE ACONTECE COM O ALUNO SELECIONADO PARA O ENADE ? A PARTICIPAO DO ESTUDANTE CONDIO INDISPENSVEL PARA A EMISSO DO SEU HISTRICO ESCOLAR, QUE TER COMO REGISTRO A DATA EM QUE REALIZOU O EXAME.
  • Slide 15
  • O QUE ACONTECE COM O ALUNO QUE NO FOI SELECIONADO PARA O ENADE ? O ESTUDANTE QUE NO FOI SELECIONADO NO PROCESSO DE AMOSTRAGEM NO OBRIGADO A FAZER O ENADE E TER COMO REGISTRO NO SEU HISTRICO ESCOLAR OS SEGUINTES DIZERES: DISPENSADO DO ENADE PELO MEC NOS TERMOS DO ARTIGO 5 DA LEI N 10.861/2004.
  • Slide 16
  • O QUE ACONTECE COM O ALUNO QUE FALTOU PROVA ? O ESTUDANTE SELECIONADO NO RECEBER O SEU DIPLOMA ENQUANTO NO REGULARIZAR A SUA SITUAO JUNTO AO ENADE.
  • Slide 17
  • Quais os estudantes dispensados do Enade 2009? os estudantes das reas e cursos superiores de tecnologia que sero avaliados pelo Enade 2009 que colarem grau at o dia 31 de agosto de 2009; os estudantes que estiverem oficialmente matriculados e cursando atividades curriculares fora do Brasil, na data de realizao do Enade 2009, em instituio conveniada com a IES de origem do estudante; os estudantes inscritos que no forem selecionados pelo plano amostral do INEP. Os estudantes enquadrados nas alneas (a) e (b) acima no devem ser inscritos pela IES, haja vista a dispensa prvia assegurada pela Portaria Normativa n. 1/2009.
  • Slide 18
  • QUEM IR EFETIVAMENTE FAZER O ENADE ? O INEP SELECIONAR, POR SORTEIO, OS ALUNOS INGRESSANTES E CONCLUINTES QUE IRO FAZER A PROVA E, PARA ESTES ELA SER OBRIGATRIA.
  • Slide 19
  • QUAL A RESPONSABILIDADE DO ESTUDANTE PARA O ENADE ? ATUALIZAR SEUS DADOS CADASTRAIS, JUNTO INSTITUIO DE ENSINO, PRINCIPALMENTE CPF E ENDEREO
  • Slide 20
  • COMO O RESULTADO DO ENADE DIVULGADO ? OS RESULTADOS INDIVIDUAIS OU BOLETIM DE DESEMPENHO INDIVIDUAL SO ENCAMINHADOS EXCLUSIVAMENTE AO CONCLUINTE OU INGRESSANTE.
  • Slide 21
  • O QUE O CARTO DE INFORMAO AO ESTUDANTE ? o carto que o estudante receber no endereo cadastrado contendo todas as informaes sobre a realizao do Exame. Caso o estudante no o receba poder consultar a pgina : http://inep.gov.br ou pelo telefone Fala Brasil: 0800-616161 para conhecer o prprio local da prova.http://inep.gov.br
  • Slide 22
  • O QUE QUESTIONRIO SCIOECONMICO ? um questionrio enviado para o endereo cadastral do estudante que visa compor o perfil dos ingressantes e concluintes e de preenchimento voluntrio e cujo carto de respostas dever ser entregue no dia do Exame ao fiscal da prova.
  • Slide 23
  • IMPORTANTE O estudante que no receber o seu carto deve apresentar-se no dia, horrio e local estabelecido para a prova, munido apenas da Carteira de Identidade.
  • Slide 24
  • COMO SO AVALIADAS AS INSTITUIES DE ENSINO SUPERIOR ? A avaliao dos cursos de graduao tem por objetivo identificar as condies de ensino oferecidas aos estudantes, em especial as relativas ao perfil do Corpo Docente, s instalaes fsicas e organizao didtico- pedaggica. Esta avaliao feita atravs de visitas de comisses de especialista designados pelo prprio Ministrio da Educao e Cultura, que atribuem conceito ao curso e que so divulgados no portal do MEC.
  • Slide 25
  • Os alunos dos cursos de Administrao, Cincias Contbeis, Comunicao Social, Direito e Psicologia vo se submeter ao ENADE no 2 Semestre de 2009.2
  • Slide 26
  • Slide 27
  • A PROVA
  • Slide 28
  • INSTRUMENTOS DO ENADE Prova; Avaliao Discente da Educao superior (ADES); Questionrio de Impresses sobre a Prova; Questionrio aos Coordenadores de Curso.
  • Slide 29
  • PROGRESSO DO ESTUDANTE O objetivo do ENADE no verificar quanto conhecimento o estudante acumulou ao longo do curso, mas sim o progresso do estudante no item (item entendido aqui como os tpicos ou temas listados nas diretrizes curriculares).
  • Slide 30
  • CARACTERSTICAS DO ENADE Anlise de mudana Situao de teste interveno reteste Avalia o processo e no o produto. O estado vai prover dois exames oficiais e as IES podem complementar com avaliaes intermedirias nos mesmos moldes do ENADE.
  • Slide 31
  • Qual o formato da prova? A prova composta de 40 questes no total, sendo 10 questes da parte de formao geral e 30 da parte de formao especfica da rea, contendo as duas partes questes discursivas e de mltipla escolha.
  • Slide 32
  • PARTESNMERO DAS QUESTES NMERO DAS PGINAS NESTE CADERNO PESO DE CADA PARTE Formao geral/Mltipla escolha 1 a 82 a 560 % Formao geral/Discursivas 9 e 106 e 740 % Componente especfico/Mltipla escolha 11a 368 a 1680 % Componente especfico/Discursiva s 37a4017 a 2320 % Percepo sobre a prova 41 a 4924-----------
  • Slide 33
  • PROVA Parte I (10 questes) Formao geral: Avalia o desenvolvimento de conhecimentos teis para se atingir objetivos valorizados pelo sujeito ou pela cultura, mas cuja aquisio independe de uma (algumas) disciplinas especficas. Parte II (30 questes) Avalia a formao especfica na rea.
  • Slide 34
  • Alm do domnio de conhecimentos e de nveis diversificados de habilidades e competncias para perfis profissionais especficos, espera-se que os graduandos das IES evidenciem a compreenso de temas que transcendam ao seu ambiente prprio de formao e importantes para a realidade contempornea. Essa compreenso vincula-se a perspectivas crticas, integradoras e construo de snteses contextualizadas. FORMAO GERAL
  • Slide 35
  • TEMAS: FORMAO GERAL 1. Sociodiversidade: multiculturalismo e incluso; 2. Excluso e minorias; 3. Biodiversidade; 4. Ecologia; 5. Mapas scio e geopoltico; 6. Globalizao; 7. Arte e Filosofia; 8. Polticas pblicas: Educao, Habitao, Saneamento, Sade e Segurana; 9. Redes sociais e responsabilidade: setor pblico, privado, (terceiro setor); 10. Relaes interpessoais (respeitar, cuidar, considerar e conviver); 11. Vida urbana e rural; 12. Incluso/excluso digital; 13. Cidadania; 14. Violncia; 15. Ter

Recommended

View more >