Click here to load reader

Comunicação pública em debate ouvidoria e rádio

  • View
    1.219

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Comunicação pública em debate: ouvidoria e rádio. Livro de Fernando Paulino e Luiz Martins da Silva (org.)

Text of Comunicação pública em debate ouvidoria e rádio

  • 1. Comunicao Pblica em debate: Ouvidoria e Rdio
  • 2. Universidade de Braslia Reitor: Ivan Marques de Toledo Camargo Vice-reitora: Snia Nair Bo Decano de Ensino de Graduao: Mauro Luiz Rabelo Decano de Administrao: Lus Afonso Bermudez Decano de Pesquisa e Ps Graduao: Jaime Martins de Santana Decana de Extenso: Thrse Hofmann Gatti R. da Costa Decana de Assuntos Comunitrios: Denise Bomtempo Birche de Carvalho Decanato de Gesto de Pessoas: Gardnia da Silva Abbad Decanato de Planejamento e Oramento: Carlos Alberto Muller Lima Torres Secretrio de Comunicao: Hugo Costa Editora Universidade de Braslia Diretora: Ana Maria Fernandes Conselho Editorial: Ana Maria Fernandes, Ana Valria Machado Mendona, Eduardo Tadeu Vieira, Fernando Jorge Rodrigues Neves, Francisco Claudio Sampaio de Menezes, Marcus Mota, Neide Aparecida Gomes, Peter Bakuzis, Sylvia Ficher, Wilson Trajano Filho, Wivian Weller Empresa Brasil de Comunicao Diretor-Presidente: Nelson Breve Diretor-Geral: Eduardo Castro Conselho Curador: Ana Luiza Fleck Saibro (Presidente), Heloisa Maria Murgel Starling (Vice-presidente), Ima Clia Guimares Vieira, Cludio Salvador Lembo, Rosane Maria Bertotti, Jos Antnio Fernandes Martins, Maria da Penha Maia Fernandes, Rita de Cssia Freire Rosa, Paulo Ramos Derengoski, Daniel Aaro Reis Filho, Joo Jorge Santos Rodrigues, Murilo Csar Oliveira Ramos, Takashi Tome, Mrio Augusto Jakobskind, Ana Maria da Conceio Veloso, Wagner Tiso, Guilherme Gonalves Strozi, Sueli Navarro, Helena Chagas, Marta Suplicy, Aloizio Mercadante e Marco Antonio Raupp
  • 3. Comunicao Pblica em debate: Ouvidoria e Rdio Fernando Oliveira Paulino Luiz Martins da Silva (organizadores)
  • 4. COmuniCaO pBliCa em deBate: OuvidOria e rdiO
  • 5. C741 Comunicao pblica em debate : ouvidoria e rdio / Fernando Oliveira Paulino, Luiz Martins da Silva, organizadores. -- Braslia : Editora Universidade de Braslia, 2013. 200 p. ; 22 cm. ISBN 978-85-230-1098-0 (e-book) 1. Comunicao. 2. Comunicao pblica. 3. Ouvidoria. 4. Rdio. I. Paulino, Fernando Oliveira. II. Silva, Luiz Martins da. CDU 654.19
  • 6. A todos os servidores da Universidade de Braslia e da Empresa Brasil de Comunicao que colaboraram com as atividades desenvolvidas entre 2009 e 2012. Aos membros da Comisso UnB 50 Anos e Editora Universidade de Braslia por incluir o livro nas celebraes do Jubileu da UnB.
  • 7. Sumrio Prefcio.....................................................................................13 Nelson Breve Prembulo. .................................................................................15 Regina Lima Introduo.................................................................................17 Fernando Oliveira Paulino e Luiz Martins da Silva Parte I Entrevistas: origens da Empresa Brasil de Comunicao e da Ouvidoria da EBC Como surgiu a Empresa Brasil de Comunicao?.........................27 Entrevista com Tereza Cruvinel Como surgiu a Ouvidoria da EBC?............................................ 41 Entrevista com Laurindo Leal Filho Parte II Prticas na Ouvidoria da EBC Os servios da Contas e Ouvidoria de Rdios Pblicas Responsabilidade Social da como Instrumento de Prestao de Mdia............................................55 Fernando Oliveira Paulino Parmetros para a Ouvidoria da EBC.......................................... 71 Luiz Martins da Silva
  • 8. Ouvir, Falar, Transmitir: no rdio e o a interatividade Programa Rdio em Debate...................................... 87 Leonardo Barreiros Rocha Ouvidoria na Agncia Brasil.......................................................101 Paulo Machado Parte III Depoimentos Depoimentos de ouvintes, profissionais e gestores.............................. 111 Depoimentos de estudantes que atuaram na Ouvidoria......................... 121 Parte IV Outras prticas de ouvidoria A Ouvidoria no Servio Pblico Brasileiro. .....................................135 Jos Eduardo Elias Romo Os media ao espelho: a experincia do ombudsman em Portugal e Espanha........................................ 165 Madalena Oliveira Ouvidoria na televiso colombiana. .............................................183 Jairo Faria
  • 9. Prefcio DOIS OUVIDOS E UMA VOZ Nelson Breve Diretor-Presidente da Empresa Brasil de Comunicao (EBC) Ser um canal de dilogo entre os ouvintes e as rdios do Sistema EBC. Com esse propsito foi criado h trs anos o programa Rdio em Debate, resultado da parceria entre a Ouvidoria da Empresa Brasil de Comunicao e a Universidade de Braslia. Desde ento, mais de 250 edies dos programas semanais foram produzidas e difundidas por jovens universitrios, sob a coordenao do professor Fernando Oliveira Paulino. A proposta inovadora se caracteriza pela mistura bem sucedida de programa de rdio, atendimento ao pblico, estgio profissional e reflexo sobre a comunicao pblica. Pelos artigos, entrevistas e depoimentos apresentados nesta publicao podemos concluir que os objetivos foram plenamente alcanados. A partir de manifestaes dos ouvintes, uma pauta produzida sempre com o objetivo de esclarecer o pblico sobre o trabalho desenvolvido. Os problemas, as dificuldades, os planos e estratgias de programao. No se trata apenas de dar uma resposta, mas levar mais conhecimento sobre programas, emissoras e a comunicao pblica. Os responsveis pela produo, programao e distribuio dos contedos, tanto por radiodifuso sonora, quanto pela internet, so entrevistados pelos estagirios para explicar como fazem seu trabalho, quais os princpios que o
  • 10. 14 norteiam, os objetivos que busca e os resultados alcanados. Uma efetiva prestao de contas sociedade. Isso tudo com um esforo de linguagem adequada no s Plataforma Rdio, mas ao perfil de cada veculo. Com a insero de msicas, trechos de programas e efeitos sonoros para evitar que o programa destoe da grade de programao. Com um ouvido voltado para o pblico e o outro para os produtores e programadores, a voz do programa Rdio em Debate equilibra os pontos de vista e consegue produzir uma reflexo que resulta em ao, seja com a correo de procedimentos, a deciso sobre investimentos ou a prpria compreenso e esclarecimento dos ouvintes que passam a entender melhor os propsitos das emissoras. Quando isso produzido por jovens que ainda esto aprendendo a profisso, ainda mais valoroso e compensador. gratificante para quem sempre defendeu os princpios pblicos da comunicao ler os depoimentos deles nesta publicao. Ver como eles compreendem o carter pblico da radiodifuso, seus valores e compromissos. Quando cheguei EBC, como assessor da Diretora Presidente Tereza Cruvinel, em janeiro de 2011, tive a satisfao de dividir a sala de trabalho com a Ouvidoria de Rdio. Acompanhei de perto o trabalho dos estagirios e a orientao do professor Paulino. Sou testemunha da excelncia desse projeto, que precisa ter continuidade.
  • 11. Prembulo Regina Lima Ouvidora da EBC e professora da Faculdade de Comunicao da Universidade Federal do Par As universidades tm desempenhado um papel fundamental nos debates e nas prticas de Comunicao Pblica no Brasil, contribuindo para o fortalecimento desta temtica dentro e fora dos cursos de graduao e de psgraduao. Dentro desse contexto, o Termo de Cooperao entre a Empresa Brasil de Comunicao (EBC) e a Universidade de Braslia (UnB) teve especial importncia no processo de implantao da Ouvidoria da EBC, trazendo contribuies ao estabelecimento do dilogo com o pblico das emissoras do Sistema de Rdios Pblicas. A parceria estabelece uma via de mo dupla que auxilia as atividades da Ouvidoria e estimula a participao de estudantes e professores universitrios em aes de cidadania e Comunicao. Alm do importante trabalho desempenhado no mbito do termo de cooperao com a UnB, e que este livro descreve, a EBC e seu Conselho Curador tem valorizado a expertise acadmica, por meio de projetos de anlise dos contedos de seus veculos por outras instituies federais de ensino e pesquisa. As instituies de educao superior so setores estratgicos na sociedade e por meio de suas aes e reflexes conceituais podem colaborar decisivamente com aqueles que esto no campo pragmtico. O convnio com a UnB cumpriu essa dimenso dialgica entre ensino, pesquisa e extenso, proporcionando aos professores, estudantes e profissionais dos veculos da EBC a oportunidade de observarem criticamente aquilo que ensinam, que aprendem e que fazem. Intensificar as relaes entre a EBC e as universiades fundamental para o fortalecimento da Comun