ESTATÍSTICA BÁSICA

  • View
    58

  • Download
    5

Embed Size (px)

DESCRIPTION

ESTATÍSTICA BÁSICA. Por quê?. - PowerPoint PPT Presentation

Text of ESTATÍSTICA BÁSICA

  • ESTATSTICA BSICA

  • Por qu?Em alguma fase de seu trabalho, o pesquisador se v s voltas com o problema de analisar e entender um conjunto de dados. Se forem informaes sobre uma amostra ou populao, ele necessitar resumir os dados para que eles sejam informativos, ou para compar-los com outros resultados, ou ainda para julgar sua adequao a alguma teoria

  • ESSNCIA DA CINCIADe modo geral podemos dizer que a essncia da cincia a observao e que seu objetivo bsico a Inferncia. A inferncia pode ser Indutiva (do especfico ao geral) ou Dedutiva ( das premissas s concluses)A inferncia estatstica uma das etapas da estatstica. a parte da metodologia cientfica que tem por objetivos a coleta, reduo, anlise e modelagem dos dados.Nesta aula vamos dar enfoque anlise exploratria dos dados.

  • CONCEITOSPOPULAOAo coletar os dados referentes s caractersticas de um grupo de objetos ou indivduos, tais como as alturas e pesos dos estudantes de uma universidade ou os nmeros de parafusos defeituosos, muitas vezes impossvel ou impraticvel observar todo o grupo, especialmente se for muito grande. Todo o grupo ou todas as realizaes possveis de uma varivel qualquer denominado populao ou universo. Uma populao pode ser finita ou infinita.

  • CONCEITOSAMOSTRAComo em muitos casos impraticvel observar a populao, recorre-se ao artifcio de se coletar um conjunto de realizaes que sejam representativas da populao. Este conjunto de realizaes denominado amostra. Se a amostra representativa, importantes concluses sobre a populao podem ser inferidas de sua anlise. A parte da estatstica que trata das condies sob as quais essas inferncias so vlidas chama-se estatstica indutiva ou inferncia. Como essa inferncia no pode ser absolutamente certa, a linguagem da probabilidade muitas vezes usada, no estabelecimento das concluses.DADOS BRUTOS: Dados brutos so aqueles que ainda no foram numericamente organizados.

  • TIPOS DE VARIVEISUma varivel um smbolo, como X, Y, H que pode assumir qualquer um de um conjunto de valores que lhe so atribudos, conjunto este chamado domnio da varivel. Uma varivel denominada Constante quando esta assume apenas um valor. Uma varivel considerada Qualitativa quando apresenta como possveis realizaes uma qualidade (ou atributo) do indivduo pesquisado. Ex: sexo, educao, estado civil. Por outro lado, uma varivel considerada Quantitativa quando apresentam como possveis realizaes, nmeros resultantes de uma contagem ou mensurao. Ex: nmero de filhos de um casal e altura e peso de alunos, respectivamente.Uma varivel tida como quantitativa Contnua quando esta pode assumir teoricamente qualquer valor entre dois dados. Caso contrrio denominada quantitativa Discreta. De modo geral, as medies do origem a dados contnuos, enquanto que as enumeraes e contagens resultam em dados discretos.

  • CLASSIFICAO DAS VARIVEISUma varivel denominada qualitativa Nominal quando no existe qualquer possibilidade de ordenao nas possveis realizaes. considerada qualitativa Ordinal quando existe alguma ordem nos possveis resultados.

  • Dados Quantitativo contnuoDados Quantitativo discretoDados Qualitativo ordinalDados Qualitativo nominal

  • DISTRIBUIO DE FREQUNCIAQuando se estuda uma varivel, o maior interesse do pesquisador conhecer a distribuio dessa varivel atravs das possveis realizaes (valores) da mesma. A distribuio de freqncia uma boa maneira de se dispor um conjunto de valores, de modo a se ter uma boa idia global sobre esses valores, ou seja, de sua distribuio.

  • DISTRIBUIO DE FREQNCIAQuando se resume grandes quantidades de dados brutos, costuma-se freqentemente distribu-los em classes ou categorias e determinar o nmero de indivduos pertencentes a cada uma das classes, denominado freqncia da classe. Um arranjo tabular dos dados por classes, juntamente com as freqncias correspondentes, denominado distribuio de freqncia ou tabela de freqncia.HISTOGRAMA: uma representao grfica de uma distribuio de freqncia por meio de retngulos justapostos.

  • TABELA DE FREQNCIA

  • FREQNCIA ACUMULADAA freqncia acumulada indica quantos elementos, ou que porcentagem deles, esto abaixo de um certo valor.Assim, observando a tabela ao lado pode-se afirmar que, por exemplo, 27,78% dos indivduos ganham at 8 salrios e 97, 22% ganham at 20 salrios.O grfico pode fornecer informaes adicionais como: qual salrio s que, tal que 50% dos funcionrios ganham menos do que s.

  • REPRESENTAO GRAFICA DE DADOS DISCRETOS

  • REPRESENTAO GRFICA DE DADOS CONTNUOSHistograma

  • NMERO DE CLASSES DA DISTRIBUIO DE FREQNCIA PARA DADOS AGRUPADOS

    Tamanho da amostra (n)Nmero de Classes (k)At 100 (inteiro mais prximo)Acima de 1005 log10n (inteiro mais prximo)

  • Amplitude total e de classesAmplitude total (R)

    R = Valor mximo valor mnimo

    Amplitude de classes (h)

    h = R/k

  • ExercciosDistribuio de freqncia

    Pede-se: 1)Amplitude total, 2) Numero de classes, 3) freqncia absoluta, 4) freqncia relativa, 5) freqncia acumulada e 6) o histograma.